CLIQUE NO PLAY PARA OUVIR RÁDIO INDEPENDENTE FM 104.9

TRANSLATE TO YOUR FAVORITE LANGUAGE - TRADUZA PARA SEU IDIOMA FAVORITO:

terça-feira, 18 de janeiro de 2011

Brasil goleia na estreia do Sul-Americano Sub-20:

Com quatro gols, Neymar é o destaque da partida contra o Paraguai

(Ernesto Benavides/AFP)
Em sua estreia no Sul-Americano Sub-20, o Brasil venceu com facilidade a fraca seleção paraguaia por 4 a 2. O destaque da partida foi o atacante Neymar, estrela do time, que marcou os quatro gols da vitória.
Com cara de estreia, a partida começou nervosa e truncada. Muitas faltas de ambas as equipes deixaram o jogo amarrado. Aos 24 minutos, o meio campo Casemiro foi derrubado na área. O pênalti foi convertido por Neymar. Nove minutos depois, o atacante foi lançado pela esquerda, entrou na área e deixou o zagueiro no chão antes de chutar firme para marcar o segundo do Brasil na partida.
O momento mais complicado da seleção foi no começo do segundo tempo. Aos 4 minutos, o volante Zé Eduardo foi expulso após abusar da violência em duas faltas e, dois minutos depois, o zagueiro Viera marcou para os paraguaios.
Neymar, então, entrou em cena novamente. Marcou aos 15 minutos, em jogada oportunista, e aos 18, numa jogada que combinou arranque, visão de jogo e rara habilidade, ao encobrir o goleiro Mario Ovando com um toque sutil de perna esquerda.
Aos 42 minutos, o atacante Henrique foi expulso, mas não havia tempo para nenhuma reação dos paraguaios.
O próximo jogo do Brasil será na quinta-feira, às 00h10, em Tacna, contra a Colômbia. No domingo, 23, a seleção brasileira enfrenta a Bolívia, em Monquegua. O Brasil encerra sua participação na primeira fase no Sul-Americano no dia 25, em Tacna, em partida contra o Equador. As três melhores seleções de cada grupo se classificam à fase final, que será realizada em Arequipa.
Adversários - Colômbia e Equador abriram o Grupo B do Sul-americano sub-20 e se enfrentaram na partida preliminar de Brasil e Paraguai, no Estádio Jorge Basadre, em Tacna, no Peru. Com dois gols de pênalti, o jogo terminou 1 a 1. A Colômbia tomou a iniciativa nos minutos iniciais e era mais perigosa quando sofreu o primeiro gol, aos 28 minutos do primeiro tempo, com Cazares. Em desvantagem, os colombianos demoraram a retomar o ritmo inicial, o que só aconteceu no segundo tempo, e marcaram aos 24 minutos com Carmona.
Os colombianos, tidos por Ney Franco como adversários de peso na briga pelo título, são os próximos rivais do Brasil, na quinta-feira, em Tacna, às 00h10 (de Brasília). O Equador, por sua vez, folga na rodada, que terá o confronto entre Bolívia e Paraguai.
BRASIL 4 - Gabriel; Danilo (Galhardo), Bruno Uvini, Juan, Alex Sandro; Zé Eduardo, Casemiro, Lucas (Romário) e Oscar (Fernando); Neymar e Henrique. Técnico: Ney Franco.
PARAGUAI 2 - Mario Ovando, Raúl Cáceres, Gustavo Gómez, Diego Vieira; Nelson Ruíz (Óscar Ruíz), Diego Benítez, Hernán Pérez, Marcos Giménez, Ivan Torres (Brian Montenegro); Jorge Ortega (Miguel Medina) e Claudio Correa. Técnico: Adrián Coria.
Gols: Neymar (4) (Brasil); Vieira e Montenegro (Paraguai)
Cartões Amarelos: Gómez, Ovando e Torres (Paraguai); Danilo, Henrique, Zé Eduardo e Neymar (Brasil)
Cartões Vermelhos: Zé Eduardo, Henrique e Ney Franco (Brasil)

Fonte: http://www.veja.abril.com.br/