CLIQUE NO PLAY PARA OUVIR RÁDIO INDEPENDENTE FM 104.9

TRANSLATE TO YOUR FAVORITE LANGUAGE - TRADUZA PARA SEU IDIOMA FAVORITO:

sexta-feira, 24 de junho de 2011


Festa em distrito: Jovem baleado e morto na frente de palco

Alex Daltro Souza, 19 anos, morava na localidade de Santa Rita no bairro da Mangabeira foi morto a tíros na madrugada desta sexta-feira (24) durante o show da dupla Victor e Léo no distrito de Maria Quitéria, festa promovida pela Prefeitura Municipal de Feira de Santana.

Segundo informações, a vitima foi atingida por um tiro no abdômen, na frente do palco, havia cinco patrulhas, com cinco policiais.
De acordo com o capitão Tadeu, responsável pelo policiamento no distrito, o planejamento da ação policial foi feito para atender a demanda da festa. “Foi uma fatalidade”, disse.

A vítima foi imediatamente socorrida por policiais militares e conduzida por uma ambulância da Secretaria Municipal de Saúde para o Hospital Geral Clériston Andrade, mas faleceu.

Os cantores deixaram o palco após do ocorrido. A polícia informou também que, após a vítima ser atingida, foram disparados outros tiros, mas ninguém mais ficou ferido. A confusão provocou tumulto e correria entre as cerca de 150 mil pessoas que estavam no local do show, segundo a organização do evento.

Fonte: Blog Central de Policia, com informações de Denivaldo Costa

São João de Ichu: Banda Estação Forró, Banda SKEMA e Banda Coisa Nossa animou o público:

Aconteceu ontem (23) a abertura Oficial do São João 2011 de Ichu-Ba, antes já havia acontecido a tradicional guerra de espadas em frente ao Barracão municipal, em seguida o publico se dirigiu a Esplanada municipal para o Forró pé de Serra que se estendeu até as 4hs da manhã com muita animação. 

A primeira banda a se apresentar foi a Estação Forró da cidade de Riachão do Jacuípe.

Depois foi a vez da banda SKEMA da cidade de Iguatuba/CE animar o público.

Por fim a banda local Coisa Nossa agitou a galera com o forró arrasta-pé onde foi considerado a melhor banda da noite conforme comentários do público presente que a todo momento procuravam nossa reportagem para afirmar isso. (Coisa Nossa tem como principal integrante o cantor BITO que todos já conhecem). 

Os foliões marcaram presença na abertura do São João de Ichu.

Hoje a expectativa é que o público seja maior ainda pois se apresenta na Esplanada municipal as bandas locais Musical Eventus e Elmo Carneiro além da atração principal deste ano Menina Facera,  você não pode perder.


São João de Mairi: Abertura oficial do Arraiá do Monte Alegre

Quadrilhas se apresentando na Quadra Municipal
Prefeito Antônio Cedraz Carneiro, conhecido por Capeta (PMDB)
O primeiro dia do Arraiá do Monte Alegre foi marcado pela apresentação de quadrilhas e muito forró. Para o Prefeito Antônio Cedraz Carneiro a administração de Mairi desde o ano de 2009 vem resgatando o Tradicional São João, nos últimos três anos a comissão organizadora busca trazer de volta o autêntico forró pé de serra como sinônimo de valorização a cultura junina.

Este ano com apresentação de casamento caipira, trança-fitas e quadrilhas da Creche Brinquedoteca, AABB Comunidade, Associação Nossa Senhora das Dores, Associação Santa Cruz, Bonsucesso, Manguinhas, São Bento das Lages, Ponto de Mairi e Arrairá do Té na Quadra Municipal, sendo que todas as quadrilhas que se apresentaram receberam um troféu como forma de motivação e as roupas foram custeadas pela prefeitura. Para o próximo ano o prefeito tem como objetivo o resgate de quebra pote, pau de sebo e mais uma vez apresentação de quadrilhas.
Após a apresentação das quadrilhas, a Banda Praxotear, Mel Com Pimenta e Forrozão Recordações deram um show de forró no palco principal fazendo com que os foliões entrassem no clima do Arraiá mais animado da região.






Vice-prefeito Jobope e o Prefeito Antonio Cedraz
Banda Pra Xotear

Banda Mel com Pimenta
Cantora da banda Mel com Pimenta

Dançarinas da Banda Mel com Pimenta

Público presente no Arraiá do Monte Alegre
Fonte: Mairi FM com informações do Blog do Agmar Rios

Locutor detona: Descaracterização dos festejos juninos cada vez mais evidente:

Harmonia que é do Samba em São Gonçalo é uma prova disso
      A descaracterização dos Festejos Juninos infelizmente está ganhando um espaço cada vez maior em diversos municípios e jogando nossa cultura no lixo com músicas que não tem nada a ver com o São João.

É indignante e constrangedor o quanto os Festejos Juninos estão sendo alvo de descaracterização e falta de compromisso do Poder Público. Na verdade o que se vê é o dinheiro público sendo usado para fazer de uma festa tão línda e tradicional uma verdadeira obra de fachada.

A gente fica a se questionar: para que tanta arrumação nos arraiás das cidades com bandeirolas, balões, retratos de sanfonas (o que por sinal é muito lindo), mas se o que vemos na verdade é um grande contradição ou seja um grande número de bandas que não fazem nada além de ocuparem o espaço reservado ao autêntico forró de raíz para se promoverem e desqualificarem o forró criado pelo nosso Rei do Baião Luíz Gonzaga e levado adiante por tantos e tantos sanfoneiros e grupos musicais que tinham o compromisso de levar alegria para todos trazendo em seu repertório mensagens que falam do amor de uma forma pura e inocente sem maldade, mensagens que falam da natureza, do sertão, das alegrias, lutas, festas, enfim temas que representavam a originalidade.

Hoje vemos grupos que além de desvalorizar a cultura, ainda apelam para as letras pejorativas e que às vezes ferem até a imagem das pessoas com frases repetidas de forma maldosa e sem sentido. De que adianta colocarem a sanfona nessas bandas que se dizem de forró mas que seu som não é ouvido pelo fato de colocarem outros instrumentos que não tem nada a ver com a Festa Junina... enfim não respeitam a tradição.

De que adianta falar bem do nosso mestre Gonzagão se na verdade não respeitam o que ele criou e mais "assassinam" o forró com a "involução" ou evolução à marcha-ré que é empurrada goela abaixo dos jovens que por inocência ou por falta de conhecimento acabam aceitando a imposição desse "lixo cultural".

Muitas vezes o sanfoneiro ou um pequeno trio de forró que não cobram cachês caros é discriminado e não tem espaço nos Festejos Juninos ficando esquecidos, e o pior: são substituídos pelas bandas que levam rios de dinheiro, mas não trazem em seus shows nada que represente o verdadeiro São João.

A Festa Junina merece mais respeito e é preciso consciência por parte do Poder Público, grandes empresas, Secretarias de Cultura e a mídia em geral para que essa cultura que foi construída com tanto esforço não acabe assim dessa forma sendo descaracterizada, manipulada e jogada numa lata de lixo!

Iradison Lúcio- comunicador da Rádio Comunitária Independente FM, em Ichu

Fonte: Interior Da Bahia

Nota da Redação: Como um defensor da Cultura Nordestina não podia deixar de falar sobre este assunto (A descaracterização dos festejos Juninos) que foi levantado pelo Locutor Iradilson Lúcio da Rádio Independente FM de Ichu, já chega ser vergonhoso o que estão fazendo com o forró pé de Serra, tenho certeza que se o Rei do Baião Luiz Gonzaga fosse vivo hoje iria agradecer muito a este Locutor por ter a coragem de colocar este tema em discussão, pois a cada dia os poderes públicos estão, não digo "assassinando, digo enterrando" mesmo a tradição do forró pé de Serra que sempre foi autêntico em tempos anteriores. Parabéns Iradilson por sua matéria de repúdio a essa nova tendencia nos festejos Juninos, gostaria de dizer-lhe que faço minhas todas suas palavras nesta matéria. 

Imagem do primeiro dia do São João de Ichu ano 2011: