CLIQUE NO PLAY PARA OUVIR RÁDIO INDEPENDENTE FM 104.9

TRANSLATE TO YOUR FAVORITE LANGUAGE - TRADUZA PARA SEU IDIOMA FAVORITO:

terça-feira, 7 de junho de 2011

Novas informações sobre a tentativa de assassinato contra o jovem Bruno:


Por volta das 18:20, desta terça-feira (07), o jovem Bruno Cardim Araujo, 21 anos, residente na Rua Izidro Bispo, filho de Edna que trabalha na secretaria da Saúde de Coité, foi baleado com vários tiros. Segundo informação, Bruno estava em frente a um mercadinho, quando foi surpreendido por um elemento que efetuou vários disparos, após a vitima cair, o elemento saiu a pé, um outro elemento estava com uma motocicleta de dados ignorados aguardando o acusado, em seguida fugiram a destino ignorado.

Bruno Rapidamente foi levado para o Hospital Regional, devido os ferimentos a vitima foi transferida, segundo informações da equipe medica, os quatro tiros atingiram a face e tórax, a bala atravessou de um lado a outro, e os demais tiro atingiram, braço e cabeça. 

Essa já é a segunda tentativa sofrida pelo o Bruno, a primeira foi no dia 30 de março por volta das 19:20, quando dois elementos em uma motocicleta tentaram matar Bruno, que foi atingido com um tiro na boca o qual atravessou de um lado a outro, a policia acredita que sejam os mesmos elementos, porem ainda desconhecidos.

As informações são de Val cesar do IB

Em Coité: Jovem é baleado com varios tiros:


SEGUNDO INFORMAÇÃO DE VAL CESAR DO INFORME BAHIA, AGORA A POUCO UM JOVEM CONHECIDO APENAS POR BRUNO RESIDENTE NO BAIRRO DOS BARREIROS FOI BALEADO COM VARIOS TIROS. O REPORTER VAL CESAR ESTÁ COBRINDO ESTE CASO E EM BREVE MAIS INFORMAÇÕES.

Ministro Antonio Palocci pede demissão da Casa Civil:


Ele deixa o cargo quase um mês após a publicação de uma reportagem pelo jornal “Folha de S.Paulo”

O ministro-chefe da Casa Civil, Antonio Palocci, deixou o cargo nesta terça- feira (7), quase um mês após a publicação de uma reportagem pelo jornal “Folha de S.Paulo” segundo a qual ele teve o patrimônio aumentado em 20 vezes entre 2006 e 2010, período em que exerceu mandato de deputado federal e coordenou a campanha presidencial de Dilma Rousseff. A substituta de Palocci será a senadora Gleisi Hoffmann (PT-PR).
A saída de Palocci foi comunicada por meio de uma nota divulgada pela Casa Civil. O ministro, que ficou pouco mais de seis meses no cargo, é a primeiro a deixar o ministério no governo da presidente Dilma Rousseff.
Em nota divulgada pela Presidência da República, Dilma Rousseff confirmou a demissão do chefe da Casa Civil. "A Presidenta aceitou a demissão do ministro Antonio Palocci e lamenta a perda de tão importante colaborador", disse. Dilma ainda destacou a "valiosa participação" do ministro, segundo ela, pelos "inestimáveis serviços que prestou ao governo e ao país".

Segundo jornal, Palocci teve patrimônio aumentado em 20 vezes entre 2006 e 2010
Segundo reportagem da “Folha de S.Paulo”, Palocci teria recebido R$ 20 milhões somente em 2010, por meio da Projeto, empresa da qual é proprietário e que prestava serviços de consultoria a empresas.
Segundo o G1, o ministro disse, no entanto, que firmou contratos entre 2006 e 2010 com empresas que consideraram “útil” a experiência dele como ministro da Fazenda entre janeiro de 2003 e março de 2006, durante o governo Luiz Inácio Lula da Silva.
Governo de transição 
De acordo com o jornal, metade dos R$ 20 milhões que a empresa de Palocci faturou em 2010 foi obtida nos últimos meses do ano, quando ele participava do governo de transição. Segundo o ministro, isso ocorreu em razão da quitação antecipada de contratos em vigor. O ministro informou que os contratos foram interrompidos depois que ele aceitou convite para integrar o ministério de Dilma.
Depois, outras reportagens apontaram que clientes de Palocci teriam feito negócios com empresas públicas e que um dos clientes foi supostamente beneficiado em uma operação de restituição de imposto de renda junto à Receita Federal, subordinada ao Ministério da Fazenda, pasta que Palocci comandou em 2006.
Entrevista
Na última sexta-feira (3), Palocci concedeu entrevista à TV Globo, a primeira manifestação pública desde que reportagens sobre o aumento do seu patrimônio e suposto tráfico de influência começaram a ser publicadas. Na entrevista, Palocci negou que tenha feito tráfico de influência.
“Não fiz tráfico de influência, não fiz atuação junto a empresas públicas representando empresas privadas”, disse. O ministro não informou a lista de clientes da Projeto nem quanto teria faturado porque, segundo ele, não poderia expor as empresas em um ambiente político “conturbado”.
Em entrevista à “Folha de S.Paulo”, Palocci disse que, antes de assumir a Casa Civil, não relatou à presidente Dilma Rousseff quais eram as empresas para as quais havia prestado serviços de consultoria.

Fonte: Correio

Polícia caça assaltantes de banco de Ibirapitanga-Ba:

Foto ilustração
Ainda não há pista dos bandidos que explodiram na madrugada desta terça-feira, 07, dois caixas eletrônicos da agencia do Banco do Brasil na cidade de Ibirapitanga, região do baixo sul da Bahia, a 350 km de Salvador.

De acordo com Edson Sales Luz, delegado da cidade de Gongugi, que também responde pela delegacia de Ibirapitanga, a ação dos bandidos ocorreu por volta da 02h20 da madrugada. Os bandidos usaram dinamite para destruir dois caixas eletrônicos e roubar o dinheiro. “Os moradores do local foram acordados com um enorme estrondo. Os bandidos estouraram um caixa eletrônico e danificaram outro”, comenta o delegado.

Segundo a polícia, O banco que fica ao lado da prefeitura da cidade teve o expediente suspenso e funcionários não revelaram a quantia roubada. Na agência, além dos caixas, parede, vidros e divisórias ficaram destruídos pela explosão. No local funcionavam quatro máquinas de caixa eletrônico.
O delegado disse que ouviu moradores vizinhos da agencia ainda na manhã desta terça. Também pela manhã, agentes do Departamento de Policia Técnica (DPT) periciaram o local em busca de informações que apontassem para a autoria do roubo.

Aracatu  - Na semana passada a agência do Bando do Brasil da cidade de Buerarema, no sul do Estado, a 450 km de Salvador, também sofreu uma tentativa de roubo. Quatro bandidos interceptaram o carro do sub-gerente quando ela seguia para sua residência e amarram ao seu corpo um artefato contendo dinamites e fios que ele pensava ser um mecanismo que poderia ser detonado por controle remoto. O sub-gerente foi até o banco, sacou R$ 134 mil, quando um mototaxista desconfiou e chamou a policia. O dinheiro foi recuperado e os bandidos fugiram.

Na madrugada de domingo a ação dos bandidos foi ainda mais violenta na cidade de Aracatu, a 618km de Salvador. Oito homens armados fizeram moradores reféns e estouraram dois caixas eletrônicos, um do Banco do Brasil e outro do Bradesco. Os bandidos assustaram a população dando tiros para o alto e contra a delegacia da cidade. Além disso, ameaçaram um grupo que estava em um clube onde acontecia uma festa de casamento.
Nesta segunda-feira, 06, os bandidos roubaram a agencia do Banco do Nordeste, na cidade de Andaraí, na Chapada diamantina. A ação foi coordenada por pelo menos quatro homens encapotados e portando armas de grosso calibre, que já chegaram atirando. Na fuga o gerente do banco foi levado como refém e só foi liberado 10 km depois do centro da cidade. 
A quantia levada não foi revelada.

No Estado, pelo menos 15 caixas eletrônicos foram explodidos de acordo com dados da Secretária de Segurança Pública da Bahia (SSP) e ainda não se tem dados do montante levado pelas quadrilhas.

Por Joa Souza, da sucursal Itabuna/Fonte: A tarde

Coordenador da 15ª COORPIN diz que não haverá redução no número de Policiais Civis em Ichu:


 Há alguns dias surgiram boatos de que o município de Ichu sofreria redução no número de Agentes da Polícia Civil por determinação da 15ª COORPIN sediada em Serrinha.
  É tanto, que na Sessão da Câmara realizada hoje, 7, alguns agentes estiveram por lá  a convite dos vereadores para falarem sobre esta situação. Existe no município um abaixo-assinado feito pela população para evitar que seja concretizada a redução de agentes.
   Diante desta  situação o Presidente da Câmara Adalberto Santiago participou do programa Tribuna Popular apresentado por José Ferraz na Rádio Jacuípe e solicitou do Coordenador da COORPIN Dr. Fábio Santos da Silva que evitasse esta diminuição, pois, prejudicaria e muito toda população.
   Minutos depois, o Delegado Dr. Fábio entrou no circuito e informou que de maneira nenhuma haverá redução de agentes. Conforme o delegado, o Governo do Estado está nomeando 150 novos policiais civis para suprirem as necessidades de delegacias da capital e do interior. Ele afirmou que existe a possibilidade de Ichu receber um delegado titular.
   Amanhã acontecerá uma reunião em Serrinha com os municípios integrantes da 15ª COORPIN onde serão definidos os rumos das unidades.
    Segundo Dr. Fábio podem acontecer transferências para outros municípios, mas as vagas deixadas serão cobertas por outros civis.
    É possível que na próxima semana aconteça uma reunião entre o Delegado Regional e representantes deste município para resolver esta e outras questões da Polícia Civil.
    Detalhe:
    Atualmente Ichu conta com 04 Agentes e 01 Escrivã.
    02 Viaturas em estado precário.
  O maior número de ocorrência registrada por estes dias foi de agressão física principalmente em briga de casais.
      No livro de ocorrências em média são registradas 03 queixas de furtos por mês. Até o presente momento foi registrado 01 assalto a mão armada em 2011.
      O município de Ichu encontra-se sem delegado titular faz certo tempo, já que Dr. Daniel que substituiu Dr. Castelo Branco foi transferido para Serrinha. 

Fonte: André Luiz  

PMs são feitos reféns em assalto a Banco do Brasil em Ibirapitanga:

Nove homens encapuzados e fortemente armados impuseram 30 minutos de terror aos moradores da cidade de Ibirapitanga, na manhã desta quarta-feira, 5, durante assalto à agência do Banco do Brasil localizada na Praça Manoel Jorge Silva. Os assaltantes levaram todo o dinheiro que estava no cofre e nos quatro caixas eletrônicos, destinado ao pagamento dos servidores municipais, e fugiram levando como reféns o vigilante e o gerente de módulo da agência, que não quiseram se identificar, além de dois policiais militares, identificados apenas como Elizon e Vivaldo. Os quatro foram liberados a três km da cidade, distante 350 km ao sul de Salvador, numa estrada vicinal de região de Piabanha, que dá acesso ao município de Camamu.

A ousada ação dos bandidos durou cerca de 30 minutos e espalhou pânico entre os moradores da cidade. Eles chegaram em dois carros (Corolla e Siena), que teriam sido tomados de assalto em Salvador e em Amélia Rodrigues. Na entrada da cidade, o grupo metralhou uma viatura, ocupada pelos quatro policiais militares que estavam de plantão e faziam uma blitz, em frente da delegacia. Dois deles conseguiram fugir e os outros dois foram algemados pelos bandidos e levados para a porta da agência bancária. Moradores das proximidades correram e se trancaram dentro de casa, aterrorizados com a quantidade de tiros. Seis disparos atingiram a viatura policial e outros três furaram a parede lateral de uma casa na Rua Valdomiro Correia, mas os moradores haviam saído.

ARRASTADO - Ildo Gonçalves Farias contou que um dos policiais tentou se esconder em sua barbearia, mas três assaltantes, aos berros, invadiram o local e arrastaram o policial, que gritava pedindo para não morrer. A filha de Ildo correu e se trancou no fundo da casa. Com os dois policiais algemados, os assaltantes pararam na porta da agência e os colocaram de braços abertos, sob a mira de armas. No local já havia outro carro, com mais dois homens, que chegou para dar cobertura à ação. De longe, o produtor de eventos, Wilton Martins, disse que viu quando um assaltante deu uma coronhada na cabeça de um dos policiais. Na sequência, cinco homens metralharam os vidros externos e internos e invadiram a agência, onde trabalhavam quatro dos cinco funcionários.

Os bandidos roubaram a arma do vigilante e dominaram os clientes, a maioria servidores públicos que moram no distrito de Itamarati e foram ao banco receber o salário. Dois assaltantes correram até o gerente de módulo e o obrigaram a abrir o cofre, onde estava a maior parte do dinheiro roubado, mas o valor não foi revelado. Em seguida, retiraram o que havia nos caixas eletrônicos e fugiram, fazendo reféns o gerente, o vigilante e os dois policiais, que já estavam dominados. A três km do centro da cidade, os assaltantes liberaram os reféns e atearam fogo no Corolla e no Siena e sumiram pela estrada, em direção a Camamu.

OUSADIA - Este ano, na Bahia, já houve oito assaltos a bancos. O mais recente aconteceu em Candeal, na madrugada do último dia 12, quando 15 assaltantes utilizaram dinamite para ter acesso ao Banco do Brasil (BB) e estourar o cofre de onde levaram todo o dinheiro, cujo valor não foi revelado. A explosão abriu um buraco na casa vizinha ao banco, que não possui vigilante noturno nem circuito interno de câmeras, apenas um alarme, que quando detecta problemas aciona a empresa de segurança, em São Paulo.

Outro assalto ousado aconteceu dia 1º de abril, no BB de Mucugê, na Chapada Diamantina, quando seis homens invadiram a agência por volta das 11h, roubaram uma quantia não relevada e, no final, colocaram clientes e funcionários do banco para dançar o “Rebolation”. E quem não dançasse estava arriscado e levar tiro. Em cidades como Candeal e Mucugê o contingente policial é de, no máximo, quatro homens por plantão, mesmo número do efetivo que policiava a cidade de Ibirapitanga. 

Segundo a Federação Brasileira de Bancos (Febraban), em 2009 os bancos investiram R$ 7,5 bilhões em segurança privada, com compra de equipamentos e contratação de vigilantes. A estatística da Febraban registra 429 assaltos a bancos no Brasil, no ano passado, mas aponta que entre 2000 e 2009 houve uma redução de 77,93%  das ocorrências no País.

Informações de A tarde