CLIQUE NO PLAY PARA OUVIR RÁDIO INDEPENDENTE FM 104.9

TRANSLATE TO YOUR FAVORITE LANGUAGE - TRADUZA PARA SEU IDIOMA FAVORITO:

terça-feira, 1 de dezembro de 2015

BA 409: operação tapa-buraco em ritmo lento deve ser concluído só no próximo ano

Coité - Serrinha trabalho não está surtindo tanto efeito.
Trabalho teve inicio em abril, mas só tapou cerca de 18 km até dia 1º de
dezembro. Foto: arquivo Raimundo Mascarenhas,
A operação tapa-buraco que vem sendo realizado na BA 409 trecho Serrinha / Conceição do Coité teve inicio no dia 24 de abril e o que parecia ser um serviço rápido pelos equipamentos modernos que permitem cortar a parte danificada e colocar o asfalto em alta temperatura nos buracos e poucas horas depois liberar para o trafego, acabou sendo frustrada.

FBF e clubes realizam arbitral e ajustam detalhes do Baianão 2016; veja grupos

Nesta terça-feira (1º), foi realizado na sede da Federação Bahiana de Futebol (FBF), o arbitral do Campeonato Baiano de 2016. A entidade, ao lado dos doze clubes que vão participar do torneio, definiu os últimos detalhes da competição estadual da próxima temporada.

Uma das principais alterações em relação ao Baianão deste ano está na fase eliminatória. A partir de 2016, os jogos da segunda fase do torneio terão a definição de mando baseada na classificação geral do campeonato e não da fase anterior, como aconteceu neste ano.

Tudo definido, campeonato de Bujão começa dia 09 de janeiro com oito equipes

O campeonato de Bujão em Queimada do Cedro edição 2016 terá início dia 09 de janeiro com a participação de oito equipes, Vitória, Amigos de João, União da Baixada, Açude de Aroeira (Coité), Flamengo da Baixinha (Ichu), Casa Nova (Ichu), Mongys do Consolo (Ichu) e Corinthians de Gleydson (Ichu). A definição saiu após a segunda reunião que aconteceu na noite desta terça-feira (01) com a presença de todas as equipes.

Mortalidade infantil no país chega a 14,4 por mil nascidos vivos em 2014

Segundo o IBGE, os indicadores dos melhores estados brasileiros ainda estão distantes de países desenvolvidos como o Japão e a Finlândia
Foto: Reprodução
A mortalidade infantil no Amapá em 2014 foi quase duas vezes e meia maior que no Espírito Santo, estado com a menor proporção de crianças mortas antes de um ano a cada mil nascimentos.

Os números foram divulgados hoje (1º) pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), que publicou a Tábua Completa de Mortalidade no Brasil. No país, a média é 14,4 crianças mortas antes de completar um ano para cada mil que nascem, mas, no Amapá, a proporção chega a 23,7. No Espírito Santo, o número fica em 9,6.