CLIQUE NO PLAY PARA OUVIR RÁDIO INDEPENDENTE FM 104.9

TRANSLATE TO YOUR FAVORITE LANGUAGE - TRADUZA PARA SEU IDIOMA FAVORITO:

quarta-feira, 25 de maio de 2011

Em Coité: Caravana da saúde estará no bairro do Açudinho neste domingo:

Foto inlustração
 O Governo de União e Participação, por meio de sua política especial em cuidados com a saúde da população coiteense, têm dado continuidade à prestação de serviços básicos através da feira de saúde e cidadania. Neste dia 29 de maio, uma estrutura montada no Colégio Yeda Barradas, articulada pelos profissionais da saúde do município irá atender os moradores do bairro do Açudinho, e comunidades de Pedreira e Açude Itarandir.
O trabalho será iniEm Coité:ciado às 08:00, com atendimento diversificado em especialidades, tais como: exames de laboratório, orientações preventivas, aferição de pressão arterial, glicemia capilar, vacinação, além de espaços de lazer e de cuidados com a auto-estima, entre outros.
Estima-se o atendimento de mais de 200 famílias, número consideravelmente relevante, pois resolver os problemas em sua totalidade é uma tarefa árdua e continua. Segundo o prefeito Renato Souza, essa iniciativa é uma forma de amenizar as carências da sociedade coiteense, mas que a meta é conseguir em seu governo cuidados mais extensos a saúde em todo o município.

Ascom/Prefeitura

Tragédia em Pé de Serra: a repercussão, a versão da policia e o exame de DNA:

image

Devido ao estado do veículo, os corpos ficaram carbonizados


 

Repercute em toda Bahia o crime ocorrido em Pé de Serra, na Bacia do Jacuipe, no último domingo (22), quando dois jovens desapareceram e foram encontrados no dia seguinte e com os corpos queimados dentro do porta-malas de um carro em uma estrada do município.

 Fernando de Oliveira, que faria 20 anos neste sábado, e Lucivânia Lima Lopes, de 21, desapareceram no último domingo e foram encontrados nesta segunda-feira na estrada para o povoado de Novo Ouricuri, a 3 km da Sede. Os corpos, carbonizados, estavam dentro do porta-malas de um carro, que foi incendiado. A policia não informou se houve falta de alguns pertences das vítimas.

O veículo incendiado, o Siena de placa JSE-1091, é de propriedade do comerciante Benedito Oliveira, pai de Fernando. Segundo informações de populares, os dois jovens foram vistos no domingo à noite nas ruas de Pé de Serra. Pelas informações, eles mantinham uma relação amorosa, mas a policia ainda apura os motivos do crime.    

De acordo com o delegado de Riachão do Jacuipe, Dr. Carlos Baqueiro, que investiga o caso, a Policia está adotando várias linhas para elucidar o crime. “Ainda não temos um resultado. Estamos apurando por várias linhas. Pode ter sido crime passional, roubo ou sequestro. Não descartamos nenhuma hipótese", disse.

Fernando morava na rua Dioclécio Roque de Menezes, 37, em Pé de Serra. Lucivânia Lima Lopes residia na Rua João Campos, 65, centro, na mesma cidade.  

O crime e a repercussão

A Policia avalia que o crime deve ter acontecido no domingo. “Tomamos conhecimento quando policiais de Pé de Serra apresentaram uma pessoa na Delegacia de Riachão e comentaram que receberam uma informação de que havia um carro incendiado no interior do município de Pé de Serra”, disse um agente de Policia Civil, em Riachão do Jacuipe, que pediu para não ser identificado.

Segundo o agente, a Policia chegou ao local do crime por volta das 14h40 da segunda-feira. “Eu nunca vi na minha vida uma coisa daquela. Só tinha as cinzas. O corpo da jovem praticamente não se reconhecia nada. Apenas o crânio e uns pedaços de ossos foram separados para a perícia. Ela ficou próxima de um pneu e isso ajudou a queimar ainda mais o seu corpo”, revelou. “Já o rapaz, queimou menos, mas também estava quase irreconhecível”, acrescentou.

 A partir do momento que soube do crime, a Policia começou as investigações. Os policiais informaram que passaram pelas ruas de Pé de Serra sem alardear o episódio justamente para não assustar a população. “Mas a noticia vazou logo e vimos muita gente nas ruas. Foi muito alvoroço”, comentou o agente da Civil.

Segundo uma moradora que atendeu nossa reportagem, quando a noticia chegou, muita gente foi para as ruas para saber o que estava acontecendo. “Nas esquinas só se via gente conversando”, disse ela.  

Os corpos dos dois jovens, que haviam sido levados para perícia no Departamento de Policia Técnica (DPT) em Feira de Santana, nesta terça-feira foram encaminhados para Salvador, onde será feito o exame de DNA para identificação. Contudo, os exames só ficam prontos em 30 dias. As duas famílias não sabem informar quando acontecerão os sepultamentos.

Cidade parou

Nesta terça-feira, um dia após a população tomar conhecimento da tragédia com os dois jovens, a cidade de Pé de Serra praticamente parou. A Prefeitura decretou luto e as repartições públicas não funcionaram. Não houve aula e somente bancos e o comercio abriram.

Nesta terça também o prefeito Hidelfonso Oliveira passou o dia em Salvador. Ele esteve na Secretaria de Segurança Pública (SSP) para pedir a apuração do crime e cobrar reforço policial e os pleitos solicitados anteriormente para o município. 

Enquanto isso, nas ruas da cidade o drama das pessoas era muito grande, principalmente porque a noticia repercutiu em todo o Estado. Os moradores não querem dar muita informação e a posição da Policia também é de cautela. Mas existem indícios fortes de que os dois jovens vinham mantendo uma relação amorosa

Mensagem no Orkut

Para completar o drama, Fernando era noivo de outra jovem no município. “Eu já vi os dois passarem juntos várias vezes (Fernando e a noiva). Eles se conheciam há muito tempo, mas possa ser que eles estivessem rompidos e o rapaz estaria tendo uma nova relação”, disse uma moradora da cidade à nossa reportagem, tentando explicar a relação de Fernando e Lucivânia.

Segundo ainda esta moradora, nesta terça-feira, uma jovem de nome Dhiuline, que mora entre Salvador e Pé de Serra, teria postado uma mensagem no seu Orkut, afirmando: “Está doendo muito”. Há informações de que ela mora em Salvador, mas viaja constantemente para Pé de Serra e seria a noiva de Fernando.  

Por Evandro Matos/InteriorDaBahia

Motociclista bate em traseira de caminhão e morre em Cansanção:

Um motociclista de 21 anos morreu após bater na traseira de um caminhão, na manhã desta terça-feira, na BA-381, Km 10, próximo a localidade de Alto Lindo, município de Cansanção, distante 144 quilômetros de Serrinha.

Segundo informações da Polícia Rodoviária Estadual (PRE), Janmel Alves da Silva conduzia uma moto Yamaha XTZ vermelha, de Cansanção no sentido Senhor do Bonfim. Ele bateu na traseira do caminhão pipa que trafegava no mesmo sentido numa velocidade aproximada de 50 km/h.

A PRE informou que o acidente aconteceu em uma ladeira, e de acordo com testemunhas, chovia muito no momento do acidente e o motociclista estava em alta velocidade.

Janmel que era correspondente do programa Crediamigo do Banco do Nordeste morreu no local. O corpo foi encaminhado para o Instituto Médico Legal (IML) de Bonfim.

O motociclista bateu na traseira do caminhão e morreu no local

Por Cleriston Silva/Foto: Portal de Noticias