CLIQUE NO PLAY PARA OUVIR RÁDIO INDEPENDENTE FM 104.9

TRANSLATE TO YOUR FAVORITE LANGUAGE - TRADUZA PARA SEU IDIOMA FAVORITO:

terça-feira, 25 de janeiro de 2011

Médico pula muro e foge da polícia em Capela do Alto Alegre:

Segundo informações, é de conhecimento da população que ha muito tempo o atendimento no Hospital São Lucas é feito por pessoas sem as devidas credenciais.

Um fato inusitado chamou a atenção da população de Capela do Alto Alegre no território do Jacuípe, por volta das 11h30 da manha desta terça-feira (25), quando a polícia militar da cidade prestava socorro a uma criança que havia fraturado o fêmur e ao chegar ao Hospital São Lucas, o médico plantonista recusou-se a prestar os primeiros socorros, e segundo informações da própria polícia, com ar de desconfiança o suposto falso médico alegou  que deveria de imediato transferir a criança para Feira de Santana, o que despertou a curiosidade dos policiais que pediram o seu número de registro CRM. “Dr Luiz” como é conhecido, alegou que estava precisando trocar de roupa, entrou numa sala de repouso dos médicos e num ato de fuga desesperada saltou os muros do hospital correndo em direção a um matagal nas proximidades da cidade denominado “caatinga da boa sorte”, até o presente momento a polícia que está à procura do falso profissional não tem notícias do mesmo.
Segundo informações de uma assessor da prefeitura  que preferiu não se identificar, é de conhecimento da população que ha muito tempo o atendimento no Hospital São Lucas é feito por pessoas sem as devidas credenciais.
As informações são do Calila Noticias

Definida empresa que fará projeto de engenharia da estrada Ichu a Coité :

    Já foi homologada pelo DERBA a empresa que fará o serviço Engenharia para Melhoramento e Pavimentação da Rodovia: BA.411, trecho: Ichu - Conceição do Coité via Juazeirinho, com 25 km de extensão.
    Na licitação a empresa vencedora foi MAIA MELO ENGENHARIA LTDA com a Nota Final de 9,75 pontos e com o preço total de R$ 557.786,43 e terá o prazo de 150 dias para início e conclusão  dos serviços.
  

As informações são do blog de André Luiz.

Aumento na violência no Estado da Bahia:

Tem que haver uma mudança urgente no código penal, o usuário de drogas tem sido o maior financiador do tráfico e não existe nenhuma punição para eles, isso precisa ser debatido urgente.
Ultimamente uma matéria no jornal A tarde dava conta que houve um aumento de mais de 50% no indíce de violência no Estado da Bahia desde 2006, conforme a matéria este indíce se deu devido ao tráfico de drogas, não queremos aquir ir de encontro com esta importante matéria, mais fazemos uma ressalva quanto a atribuição deste aumento na violência tão somente ao tráfico de drogas, ressalvamos também que falta uma política de segurança púlblica voltada aos jovens de nosso Estado visto que nossos jovens e adolescente estão a cada dia envolvido no crime e nas drogas.

Tem que haver uma mudança urgente no código penal, o usuário de drogas tem sido o maior financiador do tráfico e não existe nenhuma punição para eles, isso precisa ser debatido urgente, tem que debater também a maioridade penal diminuindo para 15 ou 16 anos, é claro que isso deve ser debatido com diversas instituições e ver sobre a possibilidade destas posssíveis mudanças.

Um pai de família me dizia o seguinte, sempre quando adolescente trabalhei para ajudar meus pais e isso me fez um homem responsável e honesto e hoje tenho meus filhos adolescente que nem se quer posso corrigi-lo nem tão pouco posso mandar trabalhar mesmo que seja na minha própria propriedade, pois posso ser denunciado pelo conselho tutelar. E o pió ainda é que os adolescentes já sabem das leis que lhe proíbem de trabalhar e com isso ficam de cangote grosso afirma o pai de família que não quís se identificar.

Os adolescente hoje em dia com idade entre 15 e 18 anos já são bem crescidos, ou seja, são homens formado e querem curtir, namorar, passear e se divertir e muitas vezes seus pais não tem condições financeiras de bancar em tudo que precisa e aí a única saída é entrar no mundo da criminalidade. Vale salientar que os estudos é muito importante para a formação de uma pessoa e isso hoje é bem mais facíl que antigamente, estamos aquir não a favor do trabalho infantiu e sim a favor em mudanças que possam conciliar os estudos e o trabalho de meio periódo para estes adolescentes com idades entre 15 a 17 anos.

Tudo isto deve ser debatido com toda sociedade Brasileira, pois sabemos que, como está não pode ficar, vamos salvar nossos adolescentes antes que a criminalidade tomem conta deles de forma indefinitiva. 

Números de homicídios na Bahia cresceram 50,7% desde 2006:

image Governo já trocou o secretário, mas a violência continua
O número de assassinatos no Estado subiu 50,72% no primeiro mandato do governador Jaques Wagner: de 3.222 mortes, em 2006, para 4.856 no ano passado.
A Bahia ficou na contramão de estados como Rio de Janeiro, São Paulo e Pernambuco, que diminuíram os índices numa média de 25%, no mesmo período.

Em 2010, houve mais assassinatos na Bahia do que em países que estão em guerra civil, como o Iraque, que registrou 3.976 civis mortos.

No último ano do governo Paulo Souto (2006), o número de assassinatos foi de 3.222, segundo dados do Centro de Documentação e Estatística Policial (Cedep). Desde então, a quantidade de homicídios não parou mais de subir.

Em Salvador, o índice saltou de 967 para 1.638 mortos – alta de 70%, entre 2006 e 2010. No Estado, o maior aumento ocorreu entre 2007 e 2008 – quase 900 casos a mais. A Secretaria da Segurança Pública (SSP) atribui o aumento ao tráfico de drogas.

As informações são de A Tarde.

Homem fica com parte do intestino para fora após ser esfaqueado no distrito de Salgadália

Um homem foi esfaqueado no final da manhã desta segunda-feira, 24, por volta das 11h20m, na Fazenda Claros, região do distrito de Salgadália, município de Conceição do Coité, a 39 km de Serrinha.

Gildeone Souza dos Santos, 23 anos, que mora na localidade de “Curral Velho”, estava em uma borracharia quando foi atingido com quatro golpes de faca tipo peixeira. A violência foi tão grande que parte do intestino delgado da vítima ficou para fora.

O agressor, um homem identificado como Zeval, fugiu e está sendo procurado pela polícia. Segundo informações de populares, o acusado não gostou de uma brincadeira provocada por Gildeone e os dois começaram a discutir.

Gildeone foi socorrido por moradores do local para o Hospital Regional de Coité (HRC) onde foi submetido a uma cirurgia e passa bem. O caso está sendo apurado pelo Serviço de Inteligência (SI) da DP local.

As informações são do blog Cleriston Silva de Serrinha. Foto/Reprodução: Raimundo Mascarenhas

Bahia perde para o Flamengo e é vice da Copinha:

Rubro-negro abriu o placar com Frauches e o Bahia empatou com Rafael, de pênalti. Mas o Flamengo chegou ao gol da vitória com Negueba, também de pênalti


Depois de 21 anos, o Flamengo volta a fazer festa no dia do aniversário de São Paulo. O Pacaembu comemorou o título do time carioca na Copa São Paulo de Futebol Júnior, após a vitória por 2 a 1 sobre o Bahia, na tarde desta terça-feira (25).
O Tricolor chegou a empatar e até ter chances de vencer, mas cometeu um pênalti na segunda etapa e abriu o caminho para o Rubro-Negro, que passou a dominar o jogo e poderia ter ampliado. A equipe carioca conquistou seu segundo título na história da competição - o primeiro foi em 1990.
Sol, suor e empate
O sol resolveu aparecer com força no aniversário de São Paulo e tirou cada gota de suor dos jogadores e dos torcedores. Empurrado pela torcida, o Flamengo encontrou nos primeiros minutos um Bahia nervoso. E logo aproveitou. Aos sete minutos, o zagueiro Frauches pegou uma sobra na área e, de pé esquerdo, encheu a bomba e acertou a rede de Renan, sem chances para o goleiro: 1 a 0 para o Rubro-Negro e festa da torcida.
Mas o técnico tricolor, Laelson Lopes, não estava nada satisfeito com o desempenho de sua equipe. E foi ousado. Ainda aos 11 minutos da primeira etapa, fez uma mudança: tirou o lateral João Marcos, que sentia dores, e colocou Valson, mais ofensivo, para tentar chegar ao empate. Aos poucos a mudança surtiu efeito. O Flamengo até chegava mais, mas perdia a bola pedindo faltas.
O Bahia começou a incomodar o goleiro César. Até que, aos 30 minutos, conseguiu um pênalti após Marllon tocar a mão na boa dentro da área. Festa dos torcedores tricolores, que estavam em menor número, mas muito animados. Rafael anotou com uma cobrança alta, bem colocada, e registrou o empate: 1 a 1. Mas, ao correr para comemorar perto do tobogã, onde estavam os torcedores do Bahia, o menino pulou a placa de publicidade e caiu na mureta da escada do vestiário. Precisou de atendimento médico, mas voltou ao jogo.
Segundo tempo
O Bahia voltou tranquilo e disposto a virar o jogo. Brendon obrigou César a deitar para fazer uma defesa importante. O Flamengo ainda tentava entrar no ritmo e desperdiçou uma cobrança de falta com Negueba. O time carioca, sem uma boa atuação deste que é considerado o principal atleta do grupo, era afobado e tinha dificuldades de trocar passes nos contra-ataques. Bem mesmo estava César, defendendo bolas muito difíceis, como a que Filipe mandou com muita força.
Em um lance individual, Lucas sofreu falta dura de Dudu e precisou ser substituído pouco depois. O jogador do Bahia recebeu amarelo, mas correu risco de ser expulso. Só que o vermelho que não veio naquele momento apareceu aos 23 minutos. O mesmo Dudu puxou a camisa e derrubou na área Thomas, que entrou na vaga de Lucas. O atleta do Bahia foi mais cedo para o chuveiro. Negueba bateu com tranquilidade, no canto alto direito do gol de Renan: 2 a 1 para o Flamengo e festa da torcida rubro-negra nas arquibancadas
O gol deu ao time carioca o ânimo e a confiança que estavam faltando. A partir daí, o Rubro-Negro passou a bombardear a defesa do Bahia com várias oportunidades em velocidade, principalmente com Thomas. Negueba, que não estava bem, também cresceu na partida. O Bahia, com um a menos e sofrendo também com o calor, tinha muita dificuldade de segurar o adversário, mas conseguia na medida do possível.
No minuto final, o Bahia levou muita emoção: Laercio pegou uma sobra pela direita, sozinho na área e chutou para o gol. César espalmou e salvou o título do Fla. Depois do sufoco, a torcida do Flamengo soltou o grito de "é campeão"! As informações são do Correio.
Flamengo 2 x 1 Bahia - Final da Copa São Paulo de Futebol Júnior
Data: 25/01/2011, terça-feira
Local: estádio Pacaembu, em São Paulo
Arbitragem: Vinicius Furlan. auxiliado por David Botelho Barbosa e Marcio Jacob
Flamengo: Cesar; Alex, Marllon, Frauches e Anderson; Muralha, Rafinha (China), Lorran e Adryan (Pedrinho); Negueba e Lucas (Thomas). Técnico: Paulo Henrique
Bahia: Renan; João Marcos (Valson), Dudu, Everton e Laércio; Anderson, Fernando (Rodrigo), Brendon (Mansur) e Filipe; Fábio e Rafael. Técnico: Laelson Lopes

As informações são do Acorda Cidade