CLIQUE NO PLAY PARA OUVIR RÁDIO INDEPENDENTE FM 104.9

TRANSLATE TO YOUR FAVORITE LANGUAGE - TRADUZA PARA SEU IDIOMA FAVORITO:

quarta-feira, 5 de dezembro de 2018

Feira de Santana: PM apreende cerca de R$ 300 mil em táxi no bairro Tomba

Duas pessoas foram conduzidas à delegacia para explicarem a origem do dinheiro.
Policiais militares da 67ª Companhia Independente (CIPM) apreenderam cerca de R$ 300 mil, na manhã desta quarta-feira (5), durante abordagem a um veículo táxi, próximo à fábrica da Coca Cola, no Centro Industrial do Subaé (CIS), no bairro Tomba, em Feira de Santana.

O tenente Paixão, da viatura Agreste 05, da 67ª CIPM, informou que dois homens foram detidos e encaminhados à delegacia para explicarem a origem do dinheiro. Ronaldo Vitorino da Silva, 40 anos, e o taxista Francisco Pinheiro da Cruz, 48, não explicaram a origem do dinheiro e informaram que teriam que depositá-lo, no entanto não informaram o titular da conta.

“Por determinação do major Cavalcante e corroborando com a política do Coronel Luziel de combate aos assaltos, intensificamos as abordagens na área da 67. Durante uma ronda percebemos que os dois apresentaram atitude suspeita com a aproximação da viatura e um deles tentou fugir. Procedemos com a abordagem veicular e encontramos todo esse valor, no interior de uma mochila. Eles não justificaram a origem do dinheiro, por isso ambos foram apresentados na delegacia para a Polícia Civil investigar. Com os mecanismos usados hoje pelos bancos não seria necessário retirar uma quantia como essa para depositar em outro banco”, informou o policial ao Acorda Cidade.

Os dois não portavam armas nem drogas.

Do Acorda Cidade

Nenhum comentário:

Postar um comentário

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do ICHU NOTÍCIAS.

Neste espaço é proibido comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. Administradores do ICHU NOTÍCIAS pode até retirar, sem prévia notificação, comentários ofensivos e com xingamentos e que não respeitem os critérios impostos neste aviso.