CLIQUE NO PLAY PARA OUVIR RÁDIO INDEPENDENTE FM 104.9

TRANSLATE TO YOUR FAVORITE LANGUAGE - TRADUZA PARA SEU IDIOMA FAVORITO:

terça-feira, 5 de março de 2019

Ichu tem 1,75% das casas com foco do mosquito Aedes aegypti (IIP), aponta levantamento da VIEP

Um balanço divulgado no início de março pela Vigilância Epidemiológica (VIEP) do município de Ichu a partir de um levantamento feito pelos Agentes Comunitários de Endemias (ACE) mostra que o Índice de Infestação Predial (IIP) em Ichu está maior que o satisfatório colocando o município em situação de alerta sobre o mosquito Aedes aegypti causador das doenças dengue, zika e chikungunya.
Foto: Divulgação ACE
Entre janeiro e fevereiro os agentes atuaram na sede e em todos os povoados do município obtendo um IIP geral de 1,75%, sendo um valor considerado alto, o qual coloca o município ichuense em situação de alerta, uma vez que o índice satisfatório é abaixo de 1%.
No povoado de Casa Nova foi encontrado o maior índice de infestação, chegando a 5,6% das casas com dados positivos, em segundo lugar vem o centro da cidade com 2,89%. Já os povoados de Mumbuca e Umbuzeiro estão sem nenhum caso positivo, ou seja, índice 0%. 
Confira na tabela abaixo os índices em cada bairro e em cada povoado do município.
ÍNDICE DE INFESTAÇÃO PREDIAL (IIP) EM ICHU – DADOS DO 1º CICLO
LOCALIDADE
IIP ENCONTRADO %
Povoado de Casa Nova
5,60 %
Bairro Centro
2,89 %
Povoado de Formigueiro
1,47 %
Povoado de Nova Esperança
1,37 %
Conjunto José Astério
1,06 %
Povoado de Varjota
0,63 %
Povoado de Praianos
0,63 %
Povoado de Barra
0,33 %
Povoado de Mumbuca
0 %
Povoado de Umbuzeiro
0 %
ÍNDICE GERAL DO MUNICÍPIO
1,75 %
A coordenadora da Vigilância Epidemiológica (VIEP) do município Arlete Santiago foi procurada pela reportagem para falar sobre o resultado deste levantamento.
De acordo com Arlete, o Índice de infestação predial de Ichu é considerado moderado, porém algumas localidades estão com índices mais altos da média municipal. Para tanto, nos próximos dias será traçado o planejamento das ações nessas localidades com os Agentes de Endemias. Ela disse ainda que o município de Ichu fez duas capacitações sobre Dengue com o Núcleo de Saúde Estadual, assim como repassada a capacitação para Enfermeira e Médico do Hospital Municipal, sinalizando essas localidades.

Ações a serem desenvolvidas:
1. Capacitação com profissionais de saúde da Atenção Básica sobre manejo clínico da dengue. Aguardando data para realização.
2. Nas localidades com aumento do Índice, será realizada reunião com moradores sobre o levantamento realizado. Atenção especial para os casos de reservatórios sem tampas, favorecendo assim, o desenvolvimento do mosquito.
3. Informação semanal dos casos de dengue nas redes sociais, blogs e rádio. No momento, estamos com 01 caso suspeito na localidade de Nova Esperança.
4. Utilização de testes rápidos para dengue, Zika e Chinkungunya em todas as Unidades de Saúde, inclusive hospital.

Já no caso específico do povoado de Casa Nova onde o índice foi maior, ou seja, 5,6%, Arlete informou que será feitos algumas ações urgentes, como:
1. Reunião com a comunidade;
2. Orientar sobre os cuidados com reservatórios;
3. Tratamento focal realizado nos reservatórios encontrados.
 Redação Ichu Notícias / Fotos: Divulgação ACE

Nenhum comentário:

Postar um comentário

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do ICHU NOTÍCIAS.

Neste espaço é proibido comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. Administradores do ICHU NOTÍCIAS pode até retirar, sem prévia notificação, comentários ofensivos e com xingamentos e que não respeitem os critérios impostos neste aviso.