CLIQUE NO PLAY PARA OUVIR RÁDIO INDEPENDENTE FM 104.9

TRANSLATE TO YOUR FAVORITE LANGUAGE - TRADUZA PARA SEU IDIOMA FAVORITO:

domingo, 10 de maio de 2020

Fábrica instalada em Camaçari poderá produzir até 100 respiradores por dia

O Governo do Estado assinará nesta segunda-feira (11) um convênio com a empresa Biogeoenergy, do Grupo Geoterra, para instalação de uma fábrica de respiradores em Camaçari, na Região Metropolitana de Salvador (RMS).
A implementação da linha de montagem terá o apoio técnico do Senai Cimatec (instituição referência em educação, pesquisa e inovação), que ofereceu condições especiais, como a divisão em 50% dos custos de condomínio e de aluguel da área.

Os respiradores fabricados pela unidade devem atender inicialmente a Bahia e o Consórcio Nordeste, mas é possível que haja a venda para todo o país. A expectativa é que até 100 respiradores por dia sejam produzidos no local. O aparelho é essencial para pacientes com casos mais graves da Covid-19. 

“Estamos vivendo um período muito difícil. A Bahia se sente privilegiada de uma fábrica dessa natureza se instalar por aqui. Vai atender ao mercado baiano, à região Nordeste, aos estados brasileiros e até mesmo à América do Sul”, comemorou o vice-governador João Leão (PP) ao jornal A Tarde.

A CEO da empresa Hempcare, Cristiana Prestes Taddeo, responsável pela distribuição e venda dos aparelhos da Biogeoenergy, diz que o principal objetivo é salvar vidas. “Quando percebemos que os respiradores importados, que são quase três vezes mais caros que os nossos, tinham longa espera para a entrega, resolvemos investir aqui, gerar emprego e salvar pessoas”, falou.

Do Bahia Notícias

Nenhum comentário:

Postar um comentário

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do ICHU NOTÍCIAS.

Neste espaço é proibido comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. Administradores do ICHU NOTÍCIAS pode até retirar, sem prévia notificação, comentários ofensivos e com xingamentos e que não respeitem os critérios impostos neste aviso.