Ouça a nossa Rádio Independente FM 104.9

TRANSLATE TO YOUR FAVORITE LANGUAGE - TRADUZA PARA SEU IDIOMA FAVORITO:

sábado, 24 de dezembro de 2016

Brasil perdeu nove milhões de católicos nos últimos dois anos, aponta pesquisa Datafolha

O Brasil está cada vez menos católico. É o que afirma uma pesquisa realizada em todo o país de outubro de 2014 a dezembro deste ano. De acordo com o estudo realizado pelo Instituto Datafolha, o catolicismo perdeu nove milhões de fiéis, ou 6%, dos brasileiros maiores de 16 anos durante o período.
Em 2014, 60% dos brasileiros se declarava, católicos. Neste ano, o número caiu para 50%. A margem de erro, segundo o Datafolha, é de dois pontos percentuais para mais ou para menos. No mesmo período, a fatia dos que se declaram sem religião mais que dobrou, passando de 6% para 14%. Foram ouvidos 2.828 brasileiros maiores de 16 anos, selecionados através de sorteio aleatório, em 174 municípios.
 
Em dez anos, também cresceu o número de pessoas que se declaram da região evangélica. Em 2006, 20% dos moradores da região Nordeste diziam seguir uma religião protestante. Este ano, o número saltou para 27%. A única queda foi registrada na região Sudeste, que caiu de 51% para 43%. 
 
Para o socialista da USP Reginaldo Prandi, o resultado não quer dizer que as pessoas perderam a fé nas crenças, mas que existe uma variação de acordo com a época em que vivemos. 
 
"Pode não ter religião hoje e ter amanhã. Ficou muito ao sabor da época da vida, dos compromissos que se quer assumir. A religião deixou de ser condição obrigatória de ser bom cidadão", disse ele.
 
Extraída do Interior Da Bahia

Nenhum comentário:

Postar um comentário

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do ICHU NOTÍCIAS.

Neste espaço é proibido comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. Administradores do ICHU NOTÍCIAS pode até retirar, sem prévia notificação, comentários ofensivos e com xingamentos e que não respeitem os critérios impostos neste aviso.