CLIQUE NO PLAY PARA OUVIR RÁDIO INDEPENDENTE FM 104.9

TRANSLATE TO YOUR FAVORITE LANGUAGE - TRADUZA PARA SEU IDIOMA FAVORITO:

quarta-feira, 19 de fevereiro de 2020

Após insinuar armação entre Mancini e Rodrigo, Paulo Carneiro diz que foi 'ironia'

Por meio de um grupo de WhatsApp, Paulo Carneiro, presidente do Vitória, se manifestou sobre uma entrevista que ele concedeu na Itapoan FM (relembre aqui) e causou o maior alvoroço. O cartola acusou o técnico Vagner Mancini de ter combinado com o zagueiro Rodrigo o lance que resultou na expulsão do defensor, na partida disputada no dia 26 de novembro de 2017, contra a Ponte Preta no Moises Lucarelli, em Campinas. 
Mancini era técnico do Leão, enquanto o jogador defendia a equipe campineira. Rodrigo deu uma “dedada” no atacante Santiago Tréllez. O jogo terminou com vitória do Rubro-Negro por 3 a 2 e a equipe deu um passo importante para se salvar da degola. Paulo garantiu que tudo não passou de uma ironia.

“Deixa eu esclarecer essa nota absolutamente inverídica em relação a entrevista que dei hoje na rádio, que eu teria dito que houve uma armação entre Mancini e o ex-zagueiro Rodrigo. Isso é de um ridículo e que deveria mandar demitir o jornalista, a não ser que tenha sido feito de má intenção mesmo, né? Quem ouviu a entrevista sabe que eu fiz uma gozação, uma ironia. Como se dá um prêmio de um milhão e trezentos mil reais a um treinador e depois o Vitória não caiu por causa da dedada de Rodrigo em Tréllez. Todo mundo sabe, é público. O Vitória tomava 2 a 0, estava abatido, vencido e rebaixado. E eu fiz uma ironia entre a dedada de Rodrigo e o valor absurdo que deram a Vagner Mancini. Aí o cara deduziu que era uma armação. Essa notícia é inverídica. É só pegar a gravação e ouvir que eu fiz uma ironia. Se a pessoa é mediamente inteligente, entende. Se é burra, faz uma matéria dessa”, bradou Paulo Carneiro.

O advogado João Henrique Chiminazzo, representante do técnico Vagner Mancini e do ex-zagueiro Rodrigo, prometeu “tomar as medidas cabíveis” contra Paulo Carneiro por conta das declarações (relembre aqui).

Por Glauber Guerra / Bahia Notícias

Nenhum comentário:

Postar um comentário

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do ICHU NOTÍCIAS.

Neste espaço é proibido comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. Administradores do ICHU NOTÍCIAS pode até retirar, sem prévia notificação, comentários ofensivos e com xingamentos e que não respeitem os critérios impostos neste aviso.