CLIQUE NO PLAY PARA OUVIR RÁDIO INDEPENDENTE FM 104.9

TRANSLATE TO YOUR FAVORITE LANGUAGE - TRADUZA PARA SEU IDIOMA FAVORITO:

quarta-feira, 12 de agosto de 2020

Interpol e PF cumprem mandato de prisão em Coité por trafico internacional de drogas

Operação localizou um jovem de 26 anos morador da Rua Ivo Mascarenhas
A Interpol e PF cumprem 12 mandados de prisão em operação para combater tráfico internacional de drogas em Salvador, Lauro de Freitas e Conceição do Coité, durante a segunda fase da Operação Olossá, da Polícia Federal, que tem como objetivo desarticular uma organização criminosa especializada no tráfico internacional de drogas, especialmente para Europa e Ásia, com a utilização de “mulas”, que transportavam o entorpecente escondido em suas bagagens.

Uma viatura da PF chegou ainda muito cedo nesta quarta-feira, 12, em Conceição do Coité e localizou um jovem de 26 anos na Rua Ivo Mascarenhas, ele que era um dos doze com mandado de prisão.
Operação da PF e Interpol em Coité
De acordo com o delegado da Polícia Federal, Fábio de Araújo Marques, o suspeito, que não teve o nome revelado, ingressou na quadrilha agindo como ‘mula’, como é chamada a pessoa que transporta as drogas escondidas na bagagem. Segundo o delegado, o jovem fez a primeira viagem internacional em setembro do ano passado, para a Espanha. Apurou-se que ele recebeu em torno de R$ 20 mil pelo transporte. Logo após a viagem, ele foi promovido e passou também a aliciar pessoas para serem ‘mulas’ do tráfico.

Depois de ser encontrado na casa do sogro, que fica no centro de Conceição do Coité, o jovem foi encaminhado à delegacia da Polícia Federal em Feira de Santana, onde permanece à disposição da Justiça. Ele será indiciado pelos crimes de organização criminosa e tráfico de drogas.

Segundo a PF em 10/3/2020, foi deflagrada a primeira fase da operação, sendo cumpridos quatro mandados de busca e cinco mandados de prisão nas cidades de Salvador e Ipiaú, na Bahia, e Ananindeua, no Pará. A partir da análise do material apreendido na primeira fase, conseguiu-se identificar a liderança e integrantes do primeiro escalão da organização criminosa investigada, inclusive de pessoas que iniciaram como “mulas” e assumiram outros postos no esquema criminoso, mudando-se para o exterior para recepcionar os viajantes que chegavam do Brasil transportando a droga.

Redação CN * Informações G1 e PF

Nenhum comentário:

Postar um comentário

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do ICHU NOTÍCIAS.

Neste espaço é proibido comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. Administradores do ICHU NOTÍCIAS pode até retirar, sem prévia notificação, comentários ofensivos e com xingamentos e que não respeitem os critérios impostos neste aviso.