TRANSLATE TO YOUR FAVORITE LANGUAGE - TRADUZA PARA SEU IDIOMA FAVORITO:

sábado, 11 de setembro de 2021

Ichu: Neste domingo (12/09) terá início o II Torneio de Babeiros da Associação do Educativo

O evento que é organizado pelo vereador Robson Gonçalves, Manezi, Alan e Emanoel vai homenagear figuras históricas do município como Tatanga, João Norberto, Faustino e Pitula.
No próximo domingo, 12 de setembro, terá início o II Torneio entre babeiros da Associação do Educativo em Manezi. Como aconteceu na primeira edição, ocorrido no ano passado, onde pessoas históricas de Ichu como Mãe Loura, Maria Belosa, Maria Benta e Mãe Cacimira foram homenageadas (relembre), este ano o evento também estará homenageando outras figuras históricas do município, sendo eles; Tatanga, João Norberto, Faustino e Pitula.

O evento é organizado pelo vereador Robson Gonçalves, Manezi, Alan e Emanoel e terá a cobertura total do Ichu Notícias em parceria com a Rádio Comunitária Independente Fm, onde todos os detalhes você poderá acompanhar pelo site e no Programa Show de Bola, das 12 às 13h30, de segunda a sexta-feira.

Para saber mais sobre os homenageados o Ichu Notícias pesquisou a fundo sobre o passado dessas figuras que foram muito importantes ao nosso povo da época. Abaixo segue cada detalhes que foi possível apurar pela reportagem.

TATANGA
O nome completo ninguém soube informar, mas se sabe que a sua primeira assinatura era Antônio, conhecido na cidade como Tatanga, um dos primeiros pai de santo do município de Ichu entre as décadas de 60 a 80. 

Para saber sobre a vida desta figura histórica tivemos que percorrer por várias comunidades de Ichu e Conceição do Coité, pegando informação daqui e dacolá até montar só uma pequena parte da sua história como se monta um quebra cabeça.  

Dona Luíza foi uma das cuidadoras dele por muitos anos, ela conta que Tatanga era uma pessoa muito boa e acostumava brincar com todos, ela cuidou dele até o dia da sua morte.
Hoje só resta os escombros da residência de Tatanga
Em vida, o terreiro dele era bastante frequentado e ficava na Rua Gerson (rua do cemitério), local que também era a sua residência, onde até os dias de hoje existem os escombros do imóvel desgastados pelo tempo.

Era uma verdadeira festança no terreiro do Mestre Tatanga, às autoridades do município, todas se faziam presentes e junto com suas filhas de santos, protagonizavam um grande movimento cultural na cidade.

Segundo Uilson Soares, seu U, que aparece na foto em destaque ao lado do ex-prefeito Renato Cedraz (in memoriam) e o homenageado Tatanga, ele era muito querido e brincalhão e quando suas manifestações espirituais chegavam, se transformava nos orixás, tanto da direita, quanto da esquerda.

Não encontramos registro que comprove a data exata do seu nascimento, mas conforme relatos, ele nasceu no final da década de 30 e faleceu no dia 08 de agosto de 1.986 ainda muito novo, com menos 50 anos de idade, após o agravamento de uma enfermidade que tinha desde criança. Essa informação foi repassada por dona Raimunda que é casada com seu Raé, primo de Tatanga, ela só se lembra pelo fato de ter ocorrido 02 dias após o aniversário de 1 ano de uma de suas filhas. 

JOÃO NORBERTO
João Teodoro dos Santos, ou simplesmente João Norberto como era mais conhecido por todos, nasceu no dia 07 de maio de 1920. Era um homem simples e vivia da labuta do campo, ganhava o dia como trabalhador rural e ainda faturava um dinheiro extra como vendedor de lenha que carregava na própria cabeça. Há relatos de que ele carregava até cinco fechos de lenha, levando um a um até uma certa distância e depois voltava para pegar os demais, repetindo esse processo por várias vezes até chegar a seu destino com todos os fechos de lenhas.

Dão, como também era chamado pelas pessoas mais próximas, foi casado com dona Marcelina Bacelar dos Santos, (falecida), com quem teve duas filhas, Maria Rosa e outra que acabou morrendo no parto. Depois de viúvo ele teve mais duas companheiras, Antônia e a última Maria Cega.

Apuramos que seu João Norberto gostava de ficar no mato debaixo das árvores e guardava seus santos, já que era devoto de Santa Bárbara, numa barraca construída por ele com folhagem e gravetos, local onde também ele pernoitava. Depois disso ele ficou um período morando na sede do município de Ichu e posteriormente foi morar na fazenda Jitaí de propriedade de Roque Trabuco, onde ficou por muito tempo. 

Era seresteiro e tocava violão, gostava muito de cantar chulas e batuques, cabra bom na piega, tipo de dança conhecido também como "sapateado da caatinga". Brincalhão e cheios de adágios populares, sendo um dos mais conhecido, "não trabalho com carroça porque quem gosta de carroça é burro", dizia isso sempre que alguém fazia referência dele prestar serviço para o senhor Carroça. "Limpeza do mundo é urubu, sabão e Dão", era outro adágio do senhor João Noberto. Aos sábados ele se trajava de branco com um lenço no bolso direito e uma fita vermelha pendurada, era um ritual dele e assim fazia toda semana.
  
Já bem doente e debilitado a filha primogênita Maria Rosa, conhecida como Maria Jovina, trouxe ele para morar com ela na comunidade de Lagoa Ferrada em Conceição do Coité. Nesta região vivem hoje vários netos e netas, como: Maria Lucidalva (Dalva), Maria José (Lia), Luciene, Ioneria (Nerinha), José Erismario (Mário) e Cosme Eliomario. Ele tem outros netos e netas que residem nos municípios de Riachão do Jacuípe e em Serrinha.

João Teodoro dos Santos, JOÃO NORBERTO, faleceu no dia 02 de março de 1995 com 74 anos, 9 meses e 25 dias, deixando muita saudades aos familiares e amigos.

FAUSTINO
Faustino Policromo de Oliveira, nasceu no dia 17 de fevereiro de 1930, era irmão do saudoso Argemiro Gregório, historiador do município, ele se auto declarava GUARDA MUNICIPAL e atuou como tal voluntariamente desde quando Ichu ainda era Distrito de Riachão do Jacuípe. 

Sempre fardado como Guarda, de cassetete na mão e com apito na boca, ele atuou em outras cidades, a exemplo de São Domingos e Valente. Ele também gostava de esporte, em especial o futebol, vindo a fazer parte de uma equipe conhecida na época como Inocente que tinha como seu maior rival o Yara, dois times tradicionais da cidade que eram comandados por dois irmãos, de um lado o Raimundo Cedraz do Inocente e do outro Abelardo Cedraz do Yara.

Por preferência seu Faustino nunca se casou e nem teve filhos, viveu na casa de parentes e depois decidiu morar sozinho em uma casa doada pela Prefeitura, onde permaneceu até o dia da sua morte em 03 de maio de 2020 já com 90 anos.

PITULA
Antônio Belmiro Carneiro, conhecido carinhosamente pelo apelido de PITULA, nasceu em Ichu no dia 26 de novembro de 1947. Filho de João Carneiro (João de Elias) e Odília Alice (Dona Dizinha). Homem muito trabalhador, sempre atencioso e inteligente. Tinha muito carinho com as crianças e onde estivesse distribuía balas nos jogos de futebol, onde ele gostava muito de ir nos campos da zona rural. 

Em casa, Pitula consertava muitas coisas e tinha ideias para tudo. Consertava sombrinhas e guarda-chuvas, relógios de corda, bicicletas e muitas outras atividades ajudando muitas pessoas. Ele ia para todos os lugares com a sua bicicleta levando tudo numa bolsa (caso quebrasse ou furasse o pneu no caminho ele mesmo consertava). Seu divertimento preferido era o radinho de pilha, não só em casa, como para onde ele fosse tinha que levar seu rádio para ouvir as notícias e seus programas preferidos, ficando assim sempre bem informado. 

Pitula faleceu no dia 17 de dezembro de 1997 deixando uma saudade imensa para a família e todos os ichuenses, mas sua história e serviços prestados jamais serão esquecidos. Em 2017 foi homenageado com uma enorme alegoria na Festa do Padroeiro Sagrado Coração de Jesus.
Redação Ichu Notícias | Colaboração: Luiza, Raimunda, Raé, Uilson Soares, Tatyana, Judite, Valdira, Demétrio, Lucidalva, Maria José e Iradilson Lúcio. Fotos: Arquivos dos colaboradores.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do ICHU NOTÍCIAS.

Neste espaço é proibido comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. Administradores do ICHU NOTÍCIAS pode até retirar, sem prévia notificação, comentários ofensivos e com xingamentos e que não respeitem os critérios impostos neste aviso.