Ouça a nossa Rádio Independente FM 104.9

TRANSLATE TO YOUR FAVORITE LANGUAGE - TRADUZA PARA SEU IDIOMA FAVORITO:

domingo, 16 de julho de 2017

Vitória sai na frente, leva virada e perde para o Palmeiras no Allianz Parque

Foto: Marcos Bezerra/ Futura Press/ Estadão Conteúdo
O Vitória bem que ofereceu algum desafio quando abriu o placar no Allianz Parque, mas sucumbiu diante do Palmeiras e acabou derrotado por 4 a 2, neste domingo (16), em jogo válido pela 14ª rodada do Campeonato Brasileiro. Com o resultado, o time comandado pelo técnico Alexandre Gallo continuou com 12 pontos, mas caiu para a penúltima posição no certame nacional.

O Leão volta a campo na quarta-feira (19), às 19h30, para pegar o Grêmio, no Barradão. 


O JOGO
O Palmeiras procurou impor o ritmo de jogo e pressionou no início da partida.  Aos 16 segundos, Guerra recebeu bom passe de Dudu na direita, arriscou o chute, mas mandou na rede pelo lado de fora.

Os donos da casa exploravam jogadas pelas laterais, enquanto o Vitória se limitava a marcar.

 

No entanto, quem saiu na frente foi o Vitória. Aos nove, Felipe Melo errou passe no meio, Uillian Correia tabelou com Neilton e soltou um foguete da intermediária. A bola bateu na trave e parou no fundo da rede.
 

Aos 22, Patric recebeu dentro da área e cabeceou para o fundo da rede. No entanto, o jogador estava em imposição de impedimento e o gol foi anulado.
 

O Palmeiras chegou ao empate aos 36, em cobrança de pênalti. Dudu cruzou na área, Mina dividiu com Wallace e caiu. O árbitro Bruno Arleu de Araújo marcou a penalidade. Roger Guedes bateu no lado esquerdo de Fernando Miguel e saiu para comemorar o gol.
 

Já aos 45, o Palmeiras conseguiu a virada. Dudu chutou em cima de Patric na entrada área, e a bola sobrou para Guerra. O meia invadiu a área e rolou para o atacante marcar o gol.

Segundo tempo
A etapa final começou com as duas equipes buscando o jogo, mas com pouca efetividade. Aos 11, o Palmeiras teve uma boa chance de ampliar a vantagem. Willian rolou para Dudu na área. O atacante cruzou, e a bola sobrou para Willian, que chutou para fora.
 

O Vitória começou a apresentar uma postura mais ofensiva e tinha mais a posse de bola, enquanto o Palmeiras adotou uma postura mais cautelosa e procurou jogar nos contra-ataques.
 

Aos 15, Neilton desperdiçou uma grande oportunidade. O camisa 10 recebeu de André Lima e sozinho com Fernando Prass ele chutou à esquerda do gol e mandou para fora.
 

Outra boa chance do Vitória foi aos 20. Após cruzamento da direita, Wallace subiu mais que todo mundo e mandou no travessão de Fernando Prass.

Porém, o Palmeiras reagiu e foi para cima do Vitória. Aos 25, Dudu puxou contra-ataque pela direita, cruzou na área e Roger Guedes não conseguiu finalizar. A bola sobrou para Willian, que mandou na trave direita. No rebote, Mayke arrematou para o fundo da rede e amplioua vantagem.

Aos 31, o Palmeiras chegou ao quarto gol. Mina arrancou pela direita e tocou para Michel Bastos. O meia fez bom cruzamento na área e encontrou Dudu, que mandou no canto de direito e fez o seu segundo gol na partida.

O Vitória diminuiu com David. Aos 39, ele deu um chapéu em Egídio, penetrou na área e acionou André Lima. O centroavante devolveu a bola e David balançou a rede. 


FICHA TÉCNICA
Palmeiras x Vitória
Local: Allianz Parque, em São Paulo (SP)
Data: 16/07/2017
Horário: 11h
Árbitro:  Bruno Arleu de Araujo (RJ)
Assistentes: Luiz Claudio Regazone (RJ) e Eduardo de Souza (RJ)
Assistentes adicionais: João Batista de Arruda (RJ) e Alexandre Vargas Tavares (RJ) Cartões amarelos: Edu Dracena e Gabriel (Palmeiras); Wallace, Cleiton Xavier ,Yago e Geferson (Vitória) Gols: Uillian Correia e David (Vitória); Roger Guedes, Dudu (duas vezes)  e Mayke (Palmeiras)

Palmeiras: Fernando Prass, Mayke, Mina, Edu Dracena e Egídio; Felipe Melo (Zé Roberto), Tchê Tchê e Guerra (Michel Bastos); Róger Guedes, Dudu (Borja) e Willian. Técnico: Cuca.

Vitória:  Fernando Miguel; Patric (Leandro Salino), Wallace, Alan Costa e Geferson; Renê Santos, Uillian Correia, Cleiton Xavier e Yago (David); Neilton (Jhemerson) e André Lima. Técnico: Alexandre Gallo.
Por Glauber Guerra / Bahia Notícias

Nenhum comentário:

Postar um comentário

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do ICHU NOTÍCIAS.

Neste espaço é proibido comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. Administradores do ICHU NOTÍCIAS pode até retirar, sem prévia notificação, comentários ofensivos e com xingamentos e que não respeitem os critérios impostos neste aviso.