Ouça a nossa Rádio Independente FM 104.9

TRANSLATE TO YOUR FAVORITE LANGUAGE - TRADUZA PARA SEU IDIOMA FAVORITO:

sábado, 21 de abril de 2018

No apagar das luzes, Bahia vence o Santos e conquista seu 1° triunfo no Brasileirão

Mais um vez o jovem atacante Júnior Brumado decretou o triunfo do Bahia, desta vez, na Arena Fonte Nova. Diante da sua torcida, o Tricolor reencontrou o caminho da vitória neste sábado de Tiradentes (21) ao bater o Santos por 1 a 0, na Arena Fonte Nova, em Salvador, pela segunda rodada do Campeonato Brasileiro. No apagar das luzes, aos 49, o Brumado fez o gol do triunfo.
Com o resultado, o time comandado pelo técnico Guto Ferreira somou os seus primeiros três pontos na tabela de classificação. O Santos permanece também com três.

O Bahia volta ao gramado na quinta-feira (26), para encarar o Botafogo-PB, às 21h45, no estádio Almeidão, em João Pessoa, pelo jogo de ida das quartas de final da Copa do Nordeste. Pelo Brasileiro, o Tricolor encara o Atlético-PR no próximo domingo (29), às 16h, na Fonte Nova, pela terceira rodada.

JOGO
O jogo começou num ritmo acelerado com os dois times procurando sempre atacar, mas sem levar muito perigo aos goleiros. No entanto, aos cinco minutos, Vinícius experimentou de fora da área e Vanderlei espalmou.

Dois minutos depois, o Bahia foi trocando passes até a bola chegar em Elton dentro da grande. Ele tocou para o fundo das redes, mas o árbitro anulou o lance marcando uma falta do volante no defensor santista. Só no minuto seguinte, o Esquadrão chegou com muito perigo. Após boa triangulação pelo lado direito do ataque, Nino recebeu dentro da grande e chutou forte. Vanderlei fez a defesa parcial. Edigar Junio aproveitou o rebote, mas mandou a bola na trave, por pouco o Tricolor não abre o placar.

O Santos perdeu uma grande chance aos 22 minutos. Rodrygo recebeu boa inversão de bola na esquerda, dominou e tabelou com Gabriel. O atacante recebeu dentro da área e bateu na saída de Douglas. A bola passou perto, mas foi para fora.

Novamente tocando a bola, Léo recebeu na linha de fundo e deu um banho de cuia no marcador. Ele cruzou e a bola sobrou para Zé Rafael que bateu pro gol, mas mandou para fora.

O clima esquentou aos 37 minutos. Jean Mota levantou a bola na área, Douglas subiu e Lucas Veríssimo chocou com ele, mas o bandeira já havia sinalizado o impedimento. Após discussão e empurra-empurra entre o goleiro do Bahia e o zagueiro David Braz, o árbitro amarelou os dois atletas.

Aos 46 minutos, Marco Antônio fez boa jogada pela esquerda. Ele carregou passando pela marcação, chegou a linha de fundo e cruzou procurando o meio da área, mas ninguém do Bahia apareceu para finalizar, desperdiçando uma boa chance para fechar o primeiro tempo vencendo a partida.

Segundo tempo

Bahia e Santos voltaram do vestiário com os mesmos times do primeiro tempo. Logo no primeiro lance, Zé Rafael teve boa chance de abrir o placar. Dentro da grande área, o meio campista recebeu livre e bateu, obrigando Vanderlei a fazer boa defesa desviando para fora.

Aos 10 minutos, o Santos encaixou um bom contra-ataque. Gabigol fez o cruzamento da esquerda, Léo Cittadini tocou de cabeça, mas Douglas, bem posicionado, segurou a bola sem dificuldades.

O Bahia segue dominando, criando, mas sem levar muito perigo ao gol de Vanderlei. Aos 20, o Santos encaixou bom ataque. A bola chegou na grande, Eduardo Sasha tentou o domínio, mas Lucas Fonseca chegou rasgando e afastou o perigo. Na sequência, o árbitro expulsou o técnico Guto Ferreira, que antes de sair de campo disse que não tinha falado nada para Cláudio Francisco Lima e Silva. Três minutos depois, a cobrança de falta Jean Mota mandou a bomba e Douglas fez a defesa em dois tempos. A blitz santista continuou. Gabigol dominou dentro da grande área e bateu para o gol. A bola explodiu na barriga de Tiago e saiu.

O Bahia chegou bem novamente aos 27. Zé Rafael dominou na entrada da área e bateu colocado. O goleiro Vanderlei se esticou e conseguiu fazer a defesa desviando para fora. Três minutos depois, foi a vez do auxiliar do técnico Jair Ventura se expulso pelo árbitro por reclamação.

Faltando dois minutos para o final do tempo regulamentar, Nino Paraíba recebeu pela direita, invadiu a área e bateu, mas Vanderlei, bem colocado, fez a defesa.

Gol do Bahia
Aos 49, na cobrança de escanteio de Allione, o jovem atacante Júnior Brumado aproveitou a sobra e desviou para o gol decretando o triunfo do Bahia. 

FICHA TÉCNICA
Bahia 1x0 Santos
Campeonato Brasileiro – 2ª rodada  
Local: Arena Fonte Nova, em Salvador  
Data: 21/04/2018 (sábado)  
Horário: 16h  
Árbitro: Cláudio Francisco Lima e Silva (SE / CBF)  
Assistentes: Cleriston Clay Barretos Rios e Ailton Farias da Silva (ambos SE / CBF)  
Assistentes adicionais: Claudionor dos Santos Junior e Eduardo de Santana Nunes ( ambos SE / CBF)
Cartão amarelo: Nino, Douglas, Régis (Bahia) / Léo Cittadini, David Braz, Dodô (Santos)
Gol: Júnior Brumado (Bahia)

Bahia: Douglas; Nino Paraíba, Tiago, Lucas Fonseca e Léo; Gregore; Elton, Marco Antônio (Júnior Brumado), Vinícius (Zé Rafael) e Zé Rafael (Allione); Edigar Junio. Técnico: Guto Ferreira.

Santos: Vanderlei; Daniel Guedes, Lucas Veríssimo, David Braz e Dodô; Alison; Eduardo Sasha (Arthur Gomes), Jean Mota, Léo Cittadini (Diego Pituca) e Rodrygo (Bruno Henrique); Gabigol. Técnico: Jair Ventura.

Por Leandro Aragão / Bahia Notícias

Nenhum comentário:

Postar um comentário

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do ICHU NOTÍCIAS.

Neste espaço é proibido comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. Administradores do ICHU NOTÍCIAS pode até retirar, sem prévia notificação, comentários ofensivos e com xingamentos e que não respeitem os critérios impostos neste aviso.