CLIQUE NO PLAY PARA OUVIR RÁDIO INDEPENDENTE FM 104.9

TRANSLATE TO YOUR FAVORITE LANGUAGE - TRADUZA PARA SEU IDIOMA FAVORITO:

quarta-feira, 19 de junho de 2019

Brasil decepciona torcida e fica no empate com a Venezuela pela Copa América

O Brasil empatou em 0 a 0 com a Venezuela, nesta terça-feira (18), na Arena Fonte Nova, em Salvador, em jogo válido pela segunda rodada do Grupo A da Copa América.
O time comandado pelo técnico Tite criou boas oportunidades, mas não conseguiu furar o bloqueio venezuelano.

A Seleção Brasileira volta a campo no sábado (22) para enfrentar o Peru, às 16h, na Arena Corinthians, em São Paulo (SP).

O JOGO
A torcida brasileira na Arena Fonte Nova incentivou a Seleção Brasileira desde o começo do jogo. Aos nove minutos, Daniel Alves deu um belo drible de corpo em Hernández, mas a defesa conseguiu afastar para fora.

A primeira boa chance do Brasil veio aos 14 minutos. Arthur recebeu na intermediária e acionou David Neres pela esquerda. O atleta do Ajax invadiu a área e chutou cruzado para fora.

O Brasil continuava criando chances. Aos 16, Richarlison recebeu pela direita, entrou na área e chutou rasteiro. O goleiro venezuelano estava atento e espalmou para o lado.

A Venezuela quase abriu o placar aos 18. Herrera cruzou para Róndon, que conseguiu subir mais alto que Marquinhos e cabeceou pertinho da trave direita de Alisson.

Os visitantes apertaram as coisas para o Brasil. O time comandado pelo técnico Dudamel marcou muito forte no meio-campo, e a Seleção teve dificuldades.

Aos 37, Daniel Alves recebeu aberto na direita, cruzou na área, Firmino dominou, chutou e fez o gol. Porém, o árbitro Júlio Bascuñan apitou falta do atacante brasileiro.

Segundo tempo
O técnico Tite fez uma mudança no intervalo. Ele sacou Richarlison e promoveu a entrada de Gabriel Jesus. Logo no seu primeiro lance, aos quatro minutos, ele deu dois chapéus em sequência, e Neres ficou com a sobra na entrada da área e arrematou forte, mas a bola bateu no rosto de Osorio.

Aos 11, Gabriel Jesus ficou com a sobra e chutou colocado de primeira, mas a bola foi para fora.

O VAR entrou em ação aos 15 minutos. O zagueiro da Venezuela rebateu, e Firmino ficou com a bola pelo lado esquerdo, em posição ilegal. A redonda sobrou para Gabriel Jesus, que estufou as redes. Após revisar o lance no monitor, o árbitro Júlio Bascuñan anulou o gol.

O Brasil tinha maior posse de bola, mas tinha dificuldades para furar o bloqueio venezuelano. Aos 23, Arthur soltou a bomba de fora da área, mas a bola subiu foi para fora.

O time carinho tentava, insistia, e a Venezuela se segurava. O VAR entrou em campo novamente aos 42 e anulou um gol de Coutinho. O árbitro viu impedimento de Firmino no lance.

O árbitro deu nove minutos de acréscimos. O Brasil foi superior no jogo, mas pecou nas finalizações e não saiu do zero. 

FICHA TÉCNICA
Brasil 0 x 0 Venezuela
Copa América - 2ª rodada
Local: Arena Fonte Nova, em Salvador
Data: 18/06/2019 (terça-feira)
Horário: 21h30
Árbitro: Julio Bascuñán (CHI)
Auxiliares: Christian Schiemann e Claudio Rios (ambos do Chile)
VAR: Roberto Tobar(CHI), auxiliado por Fernando Rapallini (ARG) e Alexander Guzman (COL)
Cartões amarelos: Casemiro (Brasil); Murillo e Figuera (Venezuela) 

Brasil: Alisson, Daniel Alves, Marquinhos, Thiago Silva e Filipe Luís; Casemiro (Fernandinho) e Arthur; David Neres (Éverton Cebolinha), Coutinho e Richarlison (Gabriel Jesus); Firmino. Técnico: Tite. 

Venzuela: Fariñez; Rosales, Osorio, Villanueva e Hernandez; Moreno, Rincón, Herrera (Soteldo) e Machís (Figuera); Rondón (Martínez) e Murillo. Técnico: Dudamel.

Por Glauber Guerra / Bahia Notícias

Nenhum comentário:

Postar um comentário

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do ICHU NOTÍCIAS.

Neste espaço é proibido comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. Administradores do ICHU NOTÍCIAS pode até retirar, sem prévia notificação, comentários ofensivos e com xingamentos e que não respeitem os critérios impostos neste aviso.