Ouça a nossa Rádio Independente FM 104.9

TRANSLATE TO YOUR FAVORITE LANGUAGE - TRADUZA PARA SEU IDIOMA FAVORITO:

segunda-feira, 14 de agosto de 2017

Bahia abre o placar, mas toma a virada e é goleado pelo Atlético-PR em Curitiba

O Bahia abriu o placar, mas não conseguiu suportar a pressão e sofreu uma goleada para o Atlético-PR, em Curitiba. 
O Tricolor baiano perdeu para o Furacão por 4 a 1, neste domingo (13), na Arena da Baixada, em duelo válido pela 20ª rodada do Campeonato Brasileiro. Mendoza abriu o placar para o Tricolor aos 20 minutos do primeiro tempo, mas Nikão igualou o marcador quatro minutos depois. Na etapa complementar, Thiago Heleno virou o jogo para o mandante aos seis minutos, Éder marcou contra aos 13 e Sidcley fechou marcador aos 41.

Com o revés, o Bahia estacionou nos 23 pontos e caiu duas colocações e agora é o 15° na tabela de classificação do campeonato. Já o Atlético-PR subiu para a sexta posição ao somar 29. Na próxima rodada, o Tricolor baiano recebe o Vasco, na Arena Fonte Nova, domingo (20), às 16h. Já os curitibanos, visitam o vice-líder Grêmio, no mesmo dia, mas às 11h, na Arena do Grêmio.

O JOGO
O Bahia começou a partida com sua marcação avançada, pressionando a saída de bola do adversário. Por sua vez, o Atlético-PR tentava tocar a bola para chegar na defesa dos visitantes. No entanto, até os 15 minutos, nenhuma das duas equipes conseguiu um lance agudo. E o técnico do clube mandante, Fabiano Soares, ainda foi obrigado a queimar uma substituição aos 17. O lateral Jonathan sentiu dores na coxa e teve que sair para a entrada de Cascardo.

Aos 20 minutos, Mendoza balançou as redes do Furacão. Eduardo cruzou para a área, Rodrigão subiu para cabecear, mas a bola raspou na cabeça dele e o colombiano pegou a sobra e emendou um chute com a perna esquerda abrindo o placar.

A reação do Atlético-PR veio logo em seguida, quatro minutos depois. Fabrício cruzou para Lucas Fernandes e na disputa de bola pelo alto, Matheus Reis pôs a mão na bola e o árbitro assinalou o pênalti. Nikão cobrou no canto direito de Jean e empatou o jogo.

O Furacão ainda assustou a torcida do Esquadrão no minuto 35. Nikão cobrou o escanteio no primeiro pau e Fabrício tocou de cabeça para fora. O Bahia respondeu em seguida, novamente com Mendoza levando perigo. Zé Rafael ganhou a dividida e cruzou. Régis se esticou, mas não conseguiu o domínio e o colombiano aproveitou a sobra batendo colocado, mas a bola foi para fora.

Segundo tempo
Na volta do vestiário, o goleiro Jean foi obrigado a fazer boa defesa. Fabrício soltou um foguete rasteiro na cobrança de falta. O arqueiro do Bahia se esticou e desviou. No rebote, Lucas Fernandes tentou o toque para Ribamar, que vinha chegando, mas Jean ficou com a bola. O Bahia respondeu com Tiago. Régis cobrou falta e o zagueiro ganhou no alto e cabeceou, mas a bola bateu no travessão.

Mas, aos seis minutos, Thiago Heleno virou o placar. Guilherme levantou a bola na área e o zagueiro apareceu livre de marcação e fez o segundo gol do mandante.

O Atlético-PR chegou ao terceiro gol com um gol contra de Éder, no 13° minuto. Nikão cruzou para área buscando Ribamar, mas o defensor do Tricolor desviou para dentro do patrimônio do Bahia.

Depois de tomar o terceiro gol, o Esquadrão se entregou e não conseguiu mais produzir nenhum lance agudo. Enqaunto que o Atlético-PR também se acomodou com a vantagem e passou a administrar o resultado. Mas Juninho errou na saída de bola e deu um presente para Nikão, que invadiu a área e cruzou para trás. Guilherme finalizou, Jean fez a defesa, mas no rebote, Sidcley marcou o quarto gol aos 41.

FICHA TÉCNICA
Atlético-PR x Bahia
Campeonato Brasileiro - 20ª rodada
Local: Arena da Baixada, em Curitiba Data: 13/08/2017 Horário: 19h Árbitro: Sandro Meira Ricci (FIFA-SC) Assistentes: Emerson Augusto de Carvalho e Marcelo Carvalho Van Gasse (ambos de SP) Assistentes adicionais: Rodrigo D'Alonso Ferreira e Eduardo Cordeiro Guimarães (ambos de SC)
Cartão amarelo: Matheus Rossetto (Atlético-PR) / Matheus Reis, Eduardo, Zé Rafael, Éder (Bahia)
Gols: Nikão, Thiago Heleno, Éder (contra) e Sidcley (Atlético-PR) / Mendoza (Bahia)

Atlético-PR: Weverton; Jonathan (Cascardo), Thiago Heleno (Zé Ivaldo), Wanderson e Fabricio; Matheus Rossetto, Pavez, Guilherme, Nikão e Lucas Fernandes (Sidcley); Ribamar. Técnico: Fabiano Soares.
Bahia: Jean; Eduardo, Tiago, Eder e Matheus Reis; Renê Júnior, Edson (Juninho), Régis (João Paulo), Zé Rafael (Gustavo Ferrareis) e Mendoza; Rodrigão. Técnico: Preto Casagrande.

Por Leandro Aragão Bahia Notícias

Nenhum comentário:

Postar um comentário

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do ICHU NOTÍCIAS.

Neste espaço é proibido comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. Administradores do ICHU NOTÍCIAS pode até retirar, sem prévia notificação, comentários ofensivos e com xingamentos e que não respeitem os critérios impostos neste aviso.