Ouça a nossa Rádio Independente FM 104.9

TRANSLATE TO YOUR FAVORITE LANGUAGE - TRADUZA PARA SEU IDIOMA FAVORITO:

terça-feira, 21 de novembro de 2017

Coité – Semana Negra tem inicio hoje e vai até sexta-feira; confira toda programação

Vale salientar que a Semana Negra Coité vence Edital do Governo do Estado, em Primeiro Lugar, na Bahia.
Atração na Semana Negra Coité 2017
Novembro é o mês da Consciência Negra. Tempo de pensar, refletir, debater e propor ações afirmativas, em defesa da negritude e da reparação social. Mês de celebrar a memória das lutas de Dandara, Zumbi dos Palmares e de contextualizar a questão negra do Brasil, na conjuntura presente.

Assim sendo, há 10 anos, foi criada, no Governo do Estado da Bahia (gestão Jacques Wagner), a Secretaria de Promoção da Igualdade Racial (SEPROMI), tendo em vista a inclusão do negro, sobretudo quilombola, juventude periférica ou rural, cultura de matriz africana, população indígena, cigana, comunidade ribeirinha e de fundo de pasto.

Como forma de reparação social, empoderamento e promoção da igualdade racial, a SEPROMI tem pautada sua gestão na democratização do acesso às políticas afirmativas e cidadãs, sobretudo da pessoa negra em situação de exclusão, por meio de efetivação de editais estratégicos, a exemplo do Novembro Negro.
Reunião de Base do Revolution Reggae
Tendo como proponente a Associação Cultural e Beneficente Revolution Reggae, a Semana Negra 2017 tem como tema central a “Consciência Negra do Sisal: Memória Luta e Resistência”. O Projeto é vencedor do Edital Novembro Negro 2017, da SEPROMI – Governo do Estado da Bahia. Comemorou o presidente do proponente da Semana Negra Coité, Carlos Castro Lima.
Xande Revolution
Começando, desse modo, na data 20 de Novembro, com Sessão na Câmara dos Vereadores, em Homenagem ao Dia da Consciência Negra. E de 21 a 25 de Novembro, no Centro Cultura e praças estratégicas, o município e o entorno serão contemplados com espaços de interlocuções, seminários, intervenções artísticas, painéis de Memórias, Lutas e Resistências, bem como Marcha da Consciência Negra, isto é, razão da Semana Negra Coité.

Para Xande Revolution, um dos idealizadores do movimento Novembro Negro, no Território do Sisal, mesmo com muitas ações afirmativa nos governos do estado e na gestão local, a pessoa negra ainda continua sendo alvo da exclusão social, da prostituição e da criminalidade.

Segundo o gestor municipal de cultura e idealizador do Comitê Organizador Novembro Negro Coité – CONNEC, Fredson Costa, o extermínio, no Brasil, é uma realidade infeliz, ainda presente, que tem origem, nome, cor, idade, sexo, espacialidade, e tem raça.
Fredson Costa
“O jovem negro, pobre e periférico é a principal vítima de um modelo excludente e opressor, que ainda impera no país. “O extermínio da juventude é um problema histórico, que mesmo com muitos investimentos socioculturais do Governo local, na atual gestão, ainda tem no cotidiano do município algumas situações adversas”, afirma Costa

“Intensificar os investimentos em políticas públicas, cultura, arte, esporte, educação e geração de emprego e renda, sobretudo com a juventude negra e periférica, ainda são mecanismos necessários para enfrentar o racismo, diminuir a desigualdade social e combater a criminalidade na sociedade. Alicerçando, assim, um lugar mais decente para as próximas gerações”. Advertiu Fredson.

O CONNEC é órgão unificador das lutas em defesa da consciência negra e da política de promoção da igualdade racial, no município. É um espaço participativo e dialógico, propício para reflexão, democratização, organização de agendas afirmativas, bem como meio alternativo de defesa da justiça social, da dignidade humana e do exercício da cidadania do sujeito.

Integram o CONNEC 2017: Entidades da Sociedade Civil Organizada (Revolution Reggae, o CPECC, a Associação Quilombola do Maracujá, Coletivos Culturais, SINTRAF-Coité); o Conselho Municipal de Cultura; o Poder Público (nas três esferas do poder municipal); representação da comunidade escolar, a UNEB (Campus XIV); e algumas entidade privadas (comprometidas com a causa negra).

“Assim, com mais uma ação integrada, unificando as forças negras e benfazejas, no município, isto é, a Semana Negra, o mês de Novembro vai ganhando mais vitalidade, expresso na cor, na raça, no sabor, nas alianças de lutas, fortalecendo o movimento negro, sobretudo do Revolution Reggae e suas parcerias. Constituindo-se em um caldeirão cultural e num tecido social da afirmação e do empoderamento do Ser Afro Coité. Logo, vida longa CONNEC com fé!”. Poetizou, Fredson Costa.

Confira toda programação da Semana Negra

20/11 – SEGUNDA-FEIRA:
15h30 – Interversão cultural em frente à Câmara de Vereadores;
19h – Sessão Solene em homenagem ao Dia da Consciência Negra: 20 de Novembro.

21/11 – TERÇA-FEIRA / Centro Cultural
15h – Seminário / Tema: Revolution Reggae: 14 Anos de Vida, Luta e Resistência;
19h – Mesa de Interlocução / Tema: 20 de Novembro: Memória – Luta e Resistência.

22/11 – QUARTA-FEIRA / Centro Cultural
15h – Mesa de Interlocução / Tema: O SUAS pela Promoção da Igualdade Racial;
19h –Mesa de Interlocução / Tema: Juventude Negra, Cultura e Mercado de Trabalho;
21h – Abertura das Exposições fotográficas / Em homenagem aos povos de Terreiros.

23/11 – QUINTA-FEIRA / Centro Cultural
09h – Roda de Conversa / Tema: Esportes Integrados e Consciência Negra;
15h – Mesa de Interlocução / Tema: Zumbi dos Palmares e Dandara: Ontem e Hoje – na Promoção da Igualdade Racial;
19h – Mesa de Interlocução / Tema: Juventude, Consciência Negra e Direitos Humanos.

24/11 – SEXTA-FEIRA / Centro Cultural
09h – Mesa de Interlocução / Tema: Povos Tradicionais e Diálogo Inter-Religioso;
15h – Mesa de Interlocução / Tema: Consciência Negra e Artes Integradas do Sisal.

24 DE NOVEMBRO (SEXTA-FEIRA) / Centro da cidade
19h – MARCHA DA CONSCIÊNCIA NEGRA: VIVA DANDARA / VIVA ZUNBI!
ATRAÇÕES CULTURAIS: Quaisquer Fulanos – Enigma da Dança – Samba e Prosa – Hip Hop Coité – Capoeiras – Projeto Revolução da Gente – Poetas da Causa – OSA/Coité – Banda The Lyon – Banda Tribo Beniférica – Kamaphew Tawa –  Edy Vox e outros.

*25/11 – Sábado (único evento privado* (do Novembro Negro) / ingresso no local) / Centro Cultural
20h30 – Desfile Beleza Black

Da Agencia de Comunicação do CONNEC para a redação do CN

Nenhum comentário:

Postar um comentário

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do ICHU NOTÍCIAS.

Neste espaço é proibido comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. Administradores do ICHU NOTÍCIAS pode até retirar, sem prévia notificação, comentários ofensivos e com xingamentos e que não respeitem os critérios impostos neste aviso.