CLIQUE NO PLAY PARA OUVIR RÁDIO INDEPENDENTE FM 104.9

TRANSLATE TO YOUR FAVORITE LANGUAGE - TRADUZA PARA SEU IDIOMA FAVORITO:

quinta-feira, 13 de setembro de 2018

Operação entre Polícias Civil e Militar cumpre mandados de busca e apreensão em bairros e distritos de Feira

Cerca de 120 policiais entre civis e militares se desdobram em várias equipes no cumprimento de mandados desde as 6h da manhã desta quinta-feira (13).
As Polícias Civil e Militar estão realizando uma operação em bairros e distritos de Feira de Santana para cumprir mandados de busca e apreensão, além de outras diligências, que são focadas em pessoas envolvidas com o tráfico de drogas e com vínculo em homicídios, segundo informou o coordenador de Polícia, Roberto Leal ao Acorda Cidade. Segundo ele, cerca de 120 policiais entre civis e militares se desdobram em várias equipes no cumprimento de mandados desde as 6h da manhã desta quinta-feira (13).

“Ainda estamos aguardando a chegada de algumas equipes. Até o momento cerca de oito pessoas já foram conduzidas e ainda estamos destrinchando a participação de cada uma. A gente já sabe de dois flagrantes com armas. As demais ainda estamos investigando. No início da tarde, a gente vai ter uma resposta mais precisa. Estamos ouvindo essas pessoas para que a gente faça uma triagem”, afirmou.

De acordo com o coordenador, as investigações que resultaram nessa operação começaram há cerca de 90 dias com informações coletadas pela Polícia Civil em parceria com a Polícia Militar. Ele destaca que outras operações serão realizadas em Feira de Santana em moldes diferentes.

O coronel Luziel Andrade informou que 16 viaturas da Polícia Militar, sob o comando do major Átila, estão dando apoio à Polícia Civil durante esta operação.

“Estivemos nos bairros, juntamente com a Polícia Civil, desde o início da operação, de manhã cedo, e não houve nenhuma reação. 16 guarnições, cada uma com quatro homens, estão trabalhando em apoio às guarnições da Polícia Civil”, informou ao Acorda Cidade.
Dentre as pessoas conduzidas à delegacia, um homem foi preso em flagrante no bairro Parque Ipê. Segundo o major Átila, ele estava portando um simulacro e na casa dele foi encontrada uma pistola 380. Além disso, ainda conforme informou o major, ele tem prisão preventiva em aberto e responde por cerca de seis homicídios.

Fonte: Daniela Cardoso com informações do repórter Ed Santos do Acorda Cidade.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do ICHU NOTÍCIAS.

Neste espaço é proibido comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. Administradores do ICHU NOTÍCIAS pode até retirar, sem prévia notificação, comentários ofensivos e com xingamentos e que não respeitem os critérios impostos neste aviso.