Ouça a nossa Rádio Independente FM 104.9

TRANSLATE TO YOUR FAVORITE LANGUAGE - TRADUZA PARA SEU IDIOMA FAVORITO:

terça-feira, 14 de novembro de 2017

Mulher de 29 anos procura pai que nunca viu; ela mora em Retirolândia e ela é natural de Serrinha

Aniram conta que aos 14 anos começou a se interessar em conhecer seu pai, que por outro lado também não a conhece.
Aniram sonha conhecer seu pai e está confiante
A dona de casa Aniram Maira Braz dos Santos, 29 anos, residente na Fazenda Lagoa Preta, no município de Retirolândia-BA, tenta localizar e conhecer seu pai Manoel Silvestre dos Santos, pois, segundo ela, ainda estava no ventre da mãe Marina Braz dos Santos, quando ele desapareceu.

Aniram disse que toda história começou quando sua mãe deixou Retirolândia e foi morar em Salvador no inicio da década dos anos 1990 onde começou trabalhar e conheceu Manoel que dizia ser natural de Serrinha, e iniciou o namoro que durou três anos, quando Marina engravidou, Manoel que trabalhava numa gráfica no bairro Campo da Pólvora, em Salvador, desapareceu e não mais deu notícia.

A filha Aniram disse que mesmo depois do desaparecimento de seu pai, sua mãe se manteve em Salvador, passou a conviver com outra pessoa e automaticamente ajudou na sua criação, mas o relacionamento não deu certo e dona Marina resolveu retornar para Retirolândia quando Aniram tinha 14 anos.

Aniram conta que aos 14 anos começou a se interessar em conhecer seu pai, que por outro lado também não a conhece. Segundo ela não tem interesse por bens materiais, que sofreu muito quando estudava e tinha que fazer lembrança para homenagear os pais, “como não tinha a quem dar, eu nem ia naquele dia e chorava muito”, conta.

Aniram disse que é o seu maior sonho conhecê-lo e por saber da grande popularidade do Calila e ter lido algumas histórias de sucesso, quando pessoas encontraram parentes, decidiu fazer mais essa investida e está confiante que alguma pessoa que lê essa reportagem vai entrar em contato para que ela realize esse sonho.

Aniram é casada há 10 anos, tem 2 filhos e afirma ainda que procura seu pai, mas não tem interesse por bens materiais e “por outro lado se precisar de mim quero estar a disposição para ajudá-lo no que estiver ao meu alcance”, finalizou.

Contato caso alguém possa informar algo ou ele mesmo deseje entrar em contato (75) 98111 – 9370 / 75 – 9 8193 – 4789 / 9 9111 – 3435
Redação CN

Nenhum comentário:

Postar um comentário

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do ICHU NOTÍCIAS.

Neste espaço é proibido comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. Administradores do ICHU NOTÍCIAS pode até retirar, sem prévia notificação, comentários ofensivos e com xingamentos e que não respeitem os critérios impostos neste aviso.