CLIQUE NO PLAY PARA OUVIR RÁDIO INDEPENDENTE FM 104.9

TRANSLATE TO YOUR FAVORITE LANGUAGE - TRADUZA PARA SEU IDIOMA FAVORITO:

sexta-feira, 24 de agosto de 2018

Esclerose Múltipla atinge 40 mil brasileiros; mulheres têm maior prevalência

Doença ataca o sistema nervoso central, altera o equilíbrio, coordenação motora e força muscular.  
A Esclerose Múltipla é uma doença autoimune de ordem crônica do Sistema Nervoso Central (SNC). Ela é considerada a causa mais frequente de alteração neurológica em pacientes jovens e nos adultos de meia idade, sendo mais comum em mulheres. De acordo com a Associação Brasileira de Esclerose Múltipla (ABEM), a doença atinge cerca de 40 mil brasileiros. 
   
A característica da doença consiste no surgimento de placas inflamatórias que destroem a mielina, composto que recobre e isola as fibras nervosas do SNC. Numa linguagem simplificada, quando o paciente é acometido pela doença, a defesa do seu corpo confunde as células saudáveis com malignas e as ataca, provocando graves e progressivas lesões.  

Seus sintomas iniciais geralmente se apresentam como uma deficiência neurológica transitória, tais como perda da visão, força, sensibilidade, equilíbrio, entre outros. O neurologista da Núcleo de Neurologia da Bahia (NNB), Dr. Daniel Farias, pontua que melhor a forma de tratamento consiste em um conjunto de ações.  

“Existem algumas medicações aprovadas para uso em esclerose múltipla que, quando associadas a um tratamento multidisciplinar com médicos, fisioterapeuta, terapeuta ocupacional, fonoaudiólogo e psicólogo, são a melhor forma de tratar a doença.”, esclarece.  Por ser uma doença progressiva, o paciente precisa estar atento aos fatores que podem contribuir para melhoria na qualidade de vida, o que inclui a realização do tratamento de forma adequada, prevenindo surtos da doença, pois eles podem gerar deficiências neurológicas acumulativas e progressivas. 
Dr. Daniel Farias é graduado em Medicina pela Escola Bahiana de Medicina, fez Residência em Clinica Médica no Hospital São Rafael, Residência em Neurologia na Santa Casa de Misericórdia de São Paulo e atuou como Preceptor da Residência Médica de Neurologia nos hospitais Geral e Santa Izabel.  

Conscientização  
No dia 30 de agosto é celebrado o Dia Nacional de Conscientização sobre a Esclerose Múltipla, data em que diversas ações e campanhas são veiculadas a fim de levar informação acerca do tema para a população. A celebração foi conquistada pela ABEM com o objetivo de propor representatividade nacional e visibilidade à doença, suas vítimas e desafios por elas enfrentados no dia a dia.

Bianca Fernandes - Una Comunicação e Sentido

Nenhum comentário:

Postar um comentário

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do ICHU NOTÍCIAS.

Neste espaço é proibido comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. Administradores do ICHU NOTÍCIAS pode até retirar, sem prévia notificação, comentários ofensivos e com xingamentos e que não respeitem os critérios impostos neste aviso.