CLIQUE NO PLAY PARA OUVIR RÁDIO INDEPENDENTE FM 104.9

TRANSLATE TO YOUR FAVORITE LANGUAGE - TRADUZA PARA SEU IDIOMA FAVORITO:

quinta-feira, 30 de janeiro de 2020

Caso Pauliana: Casal suspeito se apresenta à polícia em Feira de Santana

O casal apontado como autor da morte de Pauliana Gomes dos Santos, de 37 anos, se apresentou à Polícia Civil na manhã desta quarta-feira, 29, na cidade de Feira de Santana. A vítima foi agredida com uma 'garrafada' no dia 15 de dezembro do ano passado, durante a comemoração da final de um campeonato, no bairro CSU, em Serrinha.
Vítima passou por procedimento médico, mas não resistiu
Ela recebeu os primeiros atendimentos no Hospital Municipal de Serrinha e, na segunda-feira, 16, foi submetida a procedimentos médicos de emergência no Hospital Geral do Estado (HGE), em Salvador, mas não resistiu e morreu no dia seguinte.

Leandro Brito da Silva e Kathleen Emmilayne de Jesus Oliveira Santos se apresentaram na 2ª Delegacia de Feira de Santana por volta das 10h acompanhados de seus advogados. Eles foram ouvidos pelo delegado Hidelbrando Alves da Silva, responsável pela investigação do caso.

Como já havia mandado de prisão preventiva contra os dois, eles passaram por exame de corpo de delito após o interrogatório e foram encaminhados ao sistema prisional. Conforme a polícia, Kathleen foi levada para o presidio feminino de Feira de Santana. Já Leandro foi conduzido ao presídio de Serrinha.

Suspeitos se apresentaram na 2ª Delegacia de Feira de Santana acompanhados de seus advogados
Entenda o caso - Uma briga generalizada em uma festa realizada no Centro Social Urbano (CSU), na cidade de Serrinha, na noite do domingo, 15 de dezembro de 2019, terminou com a morte de Pauliana Gomes dos Santos, de 37 anos. Ela participava da comemoração da final de um campeonato e, durante o tumulto, foi ferida com um pedaço de garrafa quebrada na perna direita.

Conforme consta no boletim de ocorrência da Polícia Civil, o irmão da vítima, Reginaldo Gomes, declarou que, inicialmente, Pauliana teria sido provocada por outra mulher. Em seguida, bastante aborrecida com o insulto, ela teria arremessado um capacete contra a rival, mas errou e acabou atingindo o namorado da mulher que, por sua vez, a agrediu com um soco no rosto.

A partir daí a situação ficou ainda pior. A mulher se apossou de uma garrafa quebrada e desferiu golpes na perna da vítima. A agressora foi contida por populares e fugiu do local. O motivo que teria provocado a confusão ainda não foi revelado pela polícia.

Pauliana recebeu os primeiros socorros no Hospital Municipal de Serrinha (HMS), mas devido a gravidade dos ferimentos foi transferida para o Hospital Geral do Estado (HGE) em Salvador. Após passar por um procedimento médico, ela recebeu alta na tarde de segunda-feira, 16, e retornou para Serrinha, porém passou mal no início da noite, foi levada novamente para o HMS e ficou internada.

Na tarde do dia seguinte (terça-feira, 17), o quadro clínico da vítima se agravou e ela morreu na unidade, antes mesmo de ser transferida. 
 
Do Portal Cleriston Silva PCS

Nenhum comentário:

Postar um comentário

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do ICHU NOTÍCIAS.

Neste espaço é proibido comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. Administradores do ICHU NOTÍCIAS pode até retirar, sem prévia notificação, comentários ofensivos e com xingamentos e que não respeitem os critérios impostos neste aviso.