Ouça a nossa Rádio Independente FM 104.9

TRANSLATE TO YOUR FAVORITE LANGUAGE - TRADUZA PARA SEU IDIOMA FAVORITO:

quarta-feira, 8 de março de 2017

Sinergia, diálogo e aprendizagens deram a tônica na última etapa do Planejamento Operacional do MOC.

A terceira e última etapa do Planejamento Operacional do Movimento de Organização Comunitária (MOC) em 2017 reuniu mais uma vez sua equipe técnica num clima de muita sinergia, diálogo e aprendizagens,para fortalecer o processo de Planejamento, Monitoramento e Avaliação (PMA)  institucional, com foco no alinhamento estratégico e seus desdobramentos táticos e operacionais.

“O MOC não é uma marcha. É um movimento. Não é uma ordem. É uma organização e a tônica dessa organização é que ela é comunitária”, destaca José Jerônimo de Moraes, presidente da instituição durante a abertura do evento que aconteceu nestes 06 e 07 de março, no Centro de Orientação Vocacional, em Feira.

Logo no primeiro dia uma avaliação do trabalho de cada Programa com seus avanços e desafios, socializada pelos mesmos através da metodologia do carrossel de experiências, o que ampliou a bagagem da equipe sobre a caminhada de cada área programática com os sujeitos de suas ações.

Destaques e Sugestões
No segundo dia de atividades a equipe dividida em grupos fez o cruzamento de olhares sobre os Programas, o que mais chamou a atenção nas visitações durante o carrossel, socializando em seguida na plenária os destaques e sugestões que poderão contribuir com estes Programas.

Vandalva Oliveira, coordenadora pedagógica do MOC conduziu todo o processo de debate a partir das questões apresentadas. “Vamos refletir sobre a importância do trabalho de forma integrada, comungando com a missão da instituição que busca contribuir com o desenvolvimento sustentável integral e integrado à inclusão social e política dos municípios de sua área de atuação”, ressaltou.

“Convoco a equipe a pensar na luta das mulheres, sua perda de direitos, na reforma da previdência e não deixar que esse debate se apague de jeito nenhum”, ponderou a coordenadora geral do MOC, Célia Firmo, que apresentou elementos da atual Gestão inclusive elencou os 32 espaços de incidência política onde o MOC está atualmente inserido.

A apresentação da proposta da Caravana – 50 anos do MOC, as atividades alusivas ao Março Mulher e o que nosso trabalho no MOC tem a ver com a  Campanha da Fraternidade que este ano tem como tema “Biomas Brasileiros e Defesa da Vida”, também foram pautados durante o evento.


Por: Maria José Esteves
Programa de Comunicação do MOC

Nenhum comentário:

Postar um comentário

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do ICHU NOTÍCIAS.

Neste espaço é proibido comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. Administradores do ICHU NOTÍCIAS pode até retirar, sem prévia notificação, comentários ofensivos e com xingamentos e que não respeitem os critérios impostos neste aviso.