CLIQUE NO PLAY PARA OUVIR RÁDIO INDEPENDENTE FM 104.9

TRANSLATE TO YOUR FAVORITE LANGUAGE - TRADUZA PARA SEU IDIOMA FAVORITO:

quinta-feira, 11 de abril de 2019

Justiça determina que Bahia retire comunicação visual da Arena Fonte Nova

O juiz Glauco Dainese de Campos deferiu na manhã desta quinta-feira (11) uma liminar em ação popular que questionava a publicidade do Esporte Clube do Bahia na Arena Fonte Nova. Com isso, o clube terá que retirar pinturas, plotagens e placas do estádio, no prazo de 15 dias, com multa diária de R$ 20 mil em caso de descumprimento. A informação é do site Alô Alô Bahia.
Logo na sequência, o presidente do Esquadrão de Aço, Guilherme Bellintani, utilizou o Twitter para comentar o assunto. Ao confirmar a decisão, o mandatário comunicou que a loja oficial do clube, que fica ao lado da Arena, está mantida. Sobre as plotagens, Bellintani indicou que não ficou clara se a utilização pode ser realizada em dias de jogos.

"Na mesma decisão, a Justiça determina que não sejam mantidas as plotagens com marca do Bahia, imagino eu que fora dos dias de jogos (a decisão não é clara em relação a isso). Nesse caso, nada mudaria para o clube. Caso seja determinada a retirada das plotagens nos momentos dos jogos, isso certamente afetaria todos os eventos realizados na Arena. Se for, cada evento realizado na Arena estaria proibido de portar sua marca. Não acredito que seja o caso. Por segurança, consultaremos a Justiça", escreveu.

A comunicação visual com detalhes tricolores do Bahia vem sendo utilizada na Arena Fonte Nova desde o ano passado. Os detalhes no estádio causaram polêmica envolvendo o ex-presidente do Vitória, Paulo Carneiro (relembre aqui). 

Por Ulisses Gama / Bahia Notícias

Nenhum comentário:

Postar um comentário

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do ICHU NOTÍCIAS.

Neste espaço é proibido comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. Administradores do ICHU NOTÍCIAS pode até retirar, sem prévia notificação, comentários ofensivos e com xingamentos e que não respeitem os critérios impostos neste aviso.