CLIQUE NO PLAY PARA OUVIR RÁDIO INDEPENDENTE FM 104.9

TRANSLATE TO YOUR FAVORITE LANGUAGE - TRADUZA PARA SEU IDIOMA FAVORITO:

segunda-feira, 19 de fevereiro de 2018

Justiça determina pagamento de indenização aos pais de jovem morto durante festa em Feira de Santana

O juiz Adriano Vieira de Almeida, titular da 4ª Vara Cível de Feira de Santana, cobrou o cumprimento integral da sentença que garante o pagamento de indenização, no valor de R$ 436 mil, aos pais do jovem Marcelo da Silva Lima – morto em 2006, enquanto participava do Oktober Fest, festa particular que era realizada na cidade. A decisão pôs fim a uma ação indenizatória, movida contra a empresa organizadora do evento, a K2 Promoções e Eventos Ltda.

Inicialmente, a organizadora do Oktober Fest foi condenada ao pagamento de R$ 545 mil, em uma ação indenizatória, mas teve o valor reformado pela 3ª Câmara Cível, do Tribunal de Justiça da Bahia (TJBA). O acórdão foi publicado em 01 de agosto de 2017.

O valor de R$ 436 mil, que corresponde a 40 salários mínimos à época, deverá ser dividido entre os pais de Marcelo Lima, Antônio Rodrigues Lima Filho e Célia da Silva Lima. Cada um deles, conforme decisão do TJBA, deverá receber o valor de R$ 218 mil.
O despacho que cobra integralmente a execução da sentença foi publicado dia 16 de fevereiro deste ano. Nele, o juiz Adriano Vieira de Almeida determina o cumprimento da sentença. O novo valor atribuído à decisão deverá ser corrigido pelos pais de Marcelo Lima, uma vez exigido o cumprimento da sentença pelo juiz titular da 4ª Vara Cível.

O CASO
O jovem Marcelo da Silva Lima morreu após ser espancado em uma confusão, quando participava do Oktober Fest, realizado em 8 de outubro de 2006, no Clube de Campo Cajueiro (CCC). Na época foi apurado pela polícia que o estudante sofreu traumatismo craniano por conta das agressões sofridas no interior da festa.

FONTE: Olá Bahia, com imagens reprodução.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do ICHU NOTÍCIAS.

Neste espaço é proibido comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. Administradores do ICHU NOTÍCIAS pode até retirar, sem prévia notificação, comentários ofensivos e com xingamentos e que não respeitem os critérios impostos neste aviso.