CLIQUE NO PLAY PARA OUVIR RÁDIO INDEPENDENTE FM 104.9

TRANSLATE TO YOUR FAVORITE LANGUAGE - TRADUZA PARA SEU IDIOMA FAVORITO:

quinta-feira, 14 de maio de 2020

Bolsonaro faz 'apelo' para governadores reverem isolamento e se diz aberto para diálogo

O presidente da República, Jair Bolsonaro, afirmou nesta quinta-feira (14) que está aberto ao diálogo sobre medidas para conter a proliferação do novo coronavírus. Em entrevista coletiva, ele pediu para que os estados revejam as estratégias de isolamento social.
"Um apelo que faço aos governadores. Revejam essa politica. Estou pronto para conversar. Vamos preservar a vida? Vamos. Mas, dessa forma, o preço lá na frente serão centenas de mais vidas que vamos perder por causa dessas medidas absurdas de fechar tudo", disse.

Desde o início do surto de coronavírus no Brasil, Bolsonato tem sido contrário e crítico em relação às medidas tomadas por prefeitos e governadores. Recentemente, o presidente classificou como "palhaçada" as ações do governador da Bahia, Rui Costa.

"Temos que ter coragem de enfrentar o vírus. Está morrendo gente? Está! Lamento! Mas vai morrer muito, muito, muito mais se a economia continuar sendo destroçada por essas medidas", disse Bolsonaro, que apontou contra o lockdown, que significa isolamento rígido.

"Essa história de lockdown, vão fechar tudo, não é esse o caminho. Esse é o caminho do fracasso, [vai] quebrar o Brasil. Governador, prefeito, que porventura entrou nessa onda lá atrás, faça como eu já fiz alguma vez na minha vida: se desculpa e faz a coisa certa", completou.

Até a última quarta-feira (13), o Brasil registrou 188.974 casos confirmados e 13.149 mortes.

Do Bahia Notícias

Nenhum comentário:

Postar um comentário

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do ICHU NOTÍCIAS.

Neste espaço é proibido comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. Administradores do ICHU NOTÍCIAS pode até retirar, sem prévia notificação, comentários ofensivos e com xingamentos e que não respeitem os critérios impostos neste aviso.