CLIQUE NO PLAY PARA OUVIR RÁDIO INDEPENDENTE FM 104.9

TRANSLATE TO YOUR FAVORITE LANGUAGE - TRADUZA PARA SEU IDIOMA FAVORITO:

segunda-feira, 20 de novembro de 2017

IBGE: casamentos diminuem e divórcios aumentam

Vinte unidades da Federação apresentaram queda e três estados nordestinos, o Piauí, Alagoas e Paraíba, tiveram variações negativas mais intensas, da ordem dos -10%.
Uma pesquisa feita pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística, o IBGE, revela que o número de casamentos no Brasil diminuíram e os divórcios aumentaram de 2015 para 2016. O tempo médio entre a data do casamento e a data da sentença ou escritura do divórcio costuma ser de 15 anos. Quem dá mais detalhes é a gerente do Registro Civil do IBGE, Klívia Brayner de Oliveira.

"Realmente teve uma queda, mas ainda temos uma relação de três casamentos para um divórcio. O divórcio também aumentou. Porque hoje em dia é muito mais fácil você se divorciar. Desde 2010 você não tem mais entraves para você se divorciar. Primeiro você se separava, ficava três anos e aí que você podia pedir o divórcio. Depois eles diminuíram o prazo. Você se separa, aí um ano depois pede o divórcio e a partir de 2010 você não precisa se separar para divorciar, você pode pedir o divórcio direto."

Klívia Brayner de Oliveira conta ainda que foi a partir de 2007 que surgiu a possibilidade de o divórcio ou da separação consensuais serem feitos em tabelionato.

"A partir de 2007 você podia se divorciar até em tabelionato. Se você não tiver criança, não tiver nenhum problema, só você e seu marido, você quer se divorciar, você vai em um tabelionato e se divorcia, então você tra as dificuldades."

Houve redução de 3,7% no total de casamentos civis registrados no ano passado em relação a 2015. Vinte unidades da Federação apresentaram queda e três estados nordestinos, o Piauí, Alagoas e Paraíba, tiveram variações negativas mais intensas, da ordem dos -10%.

Já os divórcios aumentaram em 4,7% em relação a 2015. Segundo o IBGE, o homem se divorcia mais velho que a mulher, com cerca 43 anos, e as mulheres com aproximadamente 40 anos. 

Cintia Moreira / Extraída do corda Cidade

Nenhum comentário:

Postar um comentário

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do ICHU NOTÍCIAS.

Neste espaço é proibido comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. Administradores do ICHU NOTÍCIAS pode até retirar, sem prévia notificação, comentários ofensivos e com xingamentos e que não respeitem os critérios impostos neste aviso.