Ouça a nossa Rádio Independente FM 104.9

TRANSLATE TO YOUR FAVORITE LANGUAGE - TRADUZA PARA SEU IDIOMA FAVORITO:

quarta-feira, 8 de novembro de 2017

Justiça Federal aumenta pena de João Vaccari Neto em 14 anos

A Justiça Federal aumentou em 14 anos nesta terça-feira (7) a pena do ex-tesoureiro do PT, João Vaccari Neto, em uma ação motivada pela Operação Lava Jato. Em primeira instância, ele havia sido condenado a 10 anos de prisão por corrupção passiva.
Com a decisão do Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF4), ele deve cumprir pena de 24 anos. Atualmente, Vaccari cumpre prisão preventiva em Curitiba. Ele já tem quatro condenações no âmbito da Lava Jato e a defesa informou que vai recorrer da decisão. 

O casal João Santana e Mônica Moura, marqueteiros das campanhas eleitorais dos ex-presidentes Luiz Inácio Lula da Silva e Dilma Rousseff, tiveram as penas mantidas em 8 anos e 4 meses pelo crime de lavagem de dinheiro. 

O engenheiro Zwi Skornicki também teve a pena mantida em 15 anos, 6 meses e 20 dias por corrupção ativa. Todos os envolvidos nesse processo foram alvos da 23ª fase da Lava Jato, batizada de Acarajé.

Do Portal Bahia Notícias

Nenhum comentário:

Postar um comentário

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do ICHU NOTÍCIAS.

Neste espaço é proibido comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. Administradores do ICHU NOTÍCIAS pode até retirar, sem prévia notificação, comentários ofensivos e com xingamentos e que não respeitem os critérios impostos neste aviso.