CLIQUE NO PLAY PARA OUVIR RÁDIO INDEPENDENTE FM 104.9

TRANSLATE TO YOUR FAVORITE LANGUAGE - TRADUZA PARA SEU IDIOMA FAVORITO:

segunda-feira, 15 de janeiro de 2018

Jovem foi assassinado com 5 tiros na cabeça em Riachão do Jacuípe

O segundo homicídio oficial de 2018 foi registrado na noite desta segunda-feira (15) em Riachão do Jacuípe. O jovem de prenome Vitor foi morto por volta das 20h40 na Rua Álvaro Cova, conhecida rua da quixabeira ao lado do Hospital Regional.
Vitor morava a cerca de 500 metros do local onde perdeu a vida com 5 tiros, todos na cabeça, o que caracteriza uma execução. Ele costumava ficar no local onde também funciona um ponto de venda de acarajé muito conhecido na cidade, não há informações se hoje o ponto funcionou

A cerca de 5 anos atrás Vitor sofreu um acidente de moto quando voltava da cidade de Coité, caiu na ladeira da Juliana e por pouco não perdeu a perna direita no acidente, ele ficou vários dias com a perna imobilizada com ferros, depois começou a se recuperar mas teve sequelas e usava uma muleta para andar.
Vitor já trabalhou como motoboy, inclusive prestou serviço para a prefeitura de Riachão no ano de 2013, mas por conta do acidente acabou afastado das funções para se recuperar. Ele morava com a avó a senhora conhecida como “Cecinha” que reside na mesma rua onde ele foi morto.

Vitor morreu na hora, o corpo segue ainda no local do crime aguardando o rabecão do DPT de Serrinha para as devidas providências, segundo informações a avó dele passou mal ao saber do ocorrido. Não se sabe autoria nem motivação do crime, a polícia civil irá investigar, veja o vídeo: 
Por Alana Rocha/Hora da Verdade com informações enviadas pelo WhatsApp.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do ICHU NOTÍCIAS.

Neste espaço é proibido comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. Administradores do ICHU NOTÍCIAS pode até retirar, sem prévia notificação, comentários ofensivos e com xingamentos e que não respeitem os critérios impostos neste aviso.