CLIQUE NO PLAY PARA OUVIR RÁDIO INDEPENDENTE FM 104.9

TRANSLATE TO YOUR FAVORITE LANGUAGE - TRADUZA PARA SEU IDIOMA FAVORITO:

quinta-feira, 26 de julho de 2018

Emoção e fé: milhares de fiéis acompanham a Procissão de Santana

O arcebispo metropolitano de Feira de Santana, Dom Zanone Castro, destacou a importância da fé em Senhora Santana para os cristãos católicos.
Milhares de fiéis acompanharam a procissão em homenagem a Senhora Santana nesta quinta-feira (26), dia da padroeira na cidade de Feira de Santana. A caminhada teve início por volta das 16h na Catedral de Santana, na Praça da Matriz. Os participantes, vindos de diversas comunidades da arquidiocese, passaram por diversas do centro comercial e depois retornaram para a catedral.
O arcebispo metropolitano de Feira de Santana, Dom Zanone Castro, destacou a importância da fé em Senhora Santana para os cristãos católicos. 

“Senhora Santana é a nossa padroeira, de Feira de Santana, é a que dá o nome à cidade. Na tradição católica, é a mãe da mãe de Jesus, esposa de São Joaquim. São os avós de Jesus Cristo, e nós celebramos com alegria, com festa, esse momento, que marca nossa catolicidade. É uma manifestação pública da fé, uma peregrinação, compreendendo que nós queremos, como seguidores de Jesus, fazer a vontade do Pai”, afirmou Dom Zanone.
Ainda segundo o arcebispo, cada comunidade que participou da procissão trouxe o seu padroeiro. “Nossa arquidiocese tem 40 paróquias, inclusive uma no Amazonas, que é missionária. Aqui tem gente de todos os cantos da arquidiocese. Foi um sucesso, uma caminhada exitosa, uma participação bonita, uma liturgia muito bem preparada e organizada, com a presença dos pregadores, bispos, padres, e todo o povo santo de Deus. Já faz parte do nosso calendário, nossa tradição”.

Há mais de 50 anos Dona Nilzete Sales, que é moradora do Feira IX, acompanha a Procissão de Santana. 

“Desde criança eu acompanho. Meu pai arrumava todos os filhos e nisso nós seguimos acompanhando a procissão de Senhora Santana. Pra mim ela significa vida, saúde, vigor e vitalidade, em agradecimento à cura de um câncer. Pela fé eu fui curada. Todo ano venho agradecer, enquanto eu tiver vida”, afirmou.

Ela foi acompanhada do neto, de 12 anos, e disse que sonha em levar os bisnetos no futuro. “Peço a Deus que me dê condições de trazer os bisnetos. A fé me dá força”.
  Laiane Cruz com informações e fotos do repórter Paulo José do Acorda Cidade.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do ICHU NOTÍCIAS.

Neste espaço é proibido comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. Administradores do ICHU NOTÍCIAS pode até retirar, sem prévia notificação, comentários ofensivos e com xingamentos e que não respeitem os critérios impostos neste aviso.