Ouça a nossa Rádio Independente FM 104.9

TRANSLATE TO YOUR FAVORITE LANGUAGE - TRADUZA PARA SEU IDIOMA FAVORITO:

sexta-feira, 16 de dezembro de 2016

Tecnologias desenvolvidas por professores melhoram ensino e aprendizado

Acessar informações que ajudam a assimilar conteúdos ministrados em sala de aula, trocar ideias sobre as disciplinas, tirar dúvidas e colaborar com a produção de vídeos tutoriais. Isto já é realidade no Ambiente Educacional Web (http://ambiente.educacao.ba.gov.br/), plataforma que oferece livre acesso a mais de cinco mil conteúdos, entre vídeos, jogos, aulas do ensino médio com intermediação tecnológica e produções da TV Anísio Teixeira.
A plataforma - também disponível para dispositivos móveis - ainda abriga o Professor Web e Professora On Line (http://ambiente.educacao.ba.gov.br/professorweb), blog colaborativo com debates sobre atualidades.

Além dos professores, os estudantes podem abastecer o blog com conteúdos e ficam melhor preparados para desafios como o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem).
 
Este é o caso de Emili Santana, 16 anos, aluna do 2º ano do Ensino Médio do Centro Educacional de Educação Profissional (Ceep) Newton Sucupira, no bairro de Mussurunga, em Salvador. 
 
Os conteúdos ajudam bastante no rendimento escolar, pois tem assuntos do ensino médio que nos possibilitam estudar para o Enem”.

Quem também é assíduo navegador da plataforma é Nickson Teles, 18, que concluiu o ensino médio este ano no Colégio Estadual de Aplicação Anísio Teixeira, no Vale dos Lagos, também na capital.  
 
“O Ambiente Educacional Web e o Blog Professor Web transmitem para a gente sites temáticos e conteúdos digitais. A gente pode ir no site e colher informações importantes sobre o que está acontecendo no mundo. É incrível como eles [o blog e a plataforma] têm o poder de alfabetizar a gente audiovisualmente”.

De acordo com Raulino Júnior, um dos professores da Rede Anísio Teixeira, o blog Professor Web e Professora On Line existe desde 2010. “Nosso principal objetivo é estimular que a comunidade escolar utilize as tecnologias da informação e da comunicação no seu dia a dia”, afirma.

Reconhecimento
Desenvolvidos no Instituto Anísio Teixeira (IAT), vinculado à Secretaria da Educação do Estado, os recursos de fomento à educação fazem parte do Programa de Difusão de Mídias e Tecnologias Educacionais - Rede Anísio Teixeira. Em novembro, o ambiente e o blog conquistaram os segundos lugares nas categorias plataformas educacionais e mídias sociais, respectivamente, do prêmio ARede Educa, um dos mais importantes do segmento.

Para o coordenador do programa, Yuri Wanderley, o prêmio é um reconhecimento importante para a Bahia. “As pessoas que fizeram parte da comissão avaliadora são grandes pesquisadores da área. É uma felicidade estar entre os premiados, porque são as grandes instituições do Brasil, centros universitários, que fazem pesquisa e desenvolvem projetos, que são contemplados com este prêmio. É uma prova que o trabalho desenvolvido no IAT é de qualidade”.

Formação continuada
O IAT tem por finalidade planejar e coordenar estudos e projetos referentes a ensino, pesquisa, experimentações educacionais e qualificação de recursos humanos na área de educação. Na opinião do diretor-geral do instituto, Severiano Alves, com a plataforma virtual, o IAT está cumprindo o papel de promover formação continuada dos profissionais da educação.

“Também desenvolvemos programas estratégicos e estruturantes. O instituto tem essa capacidade de não somente de fazer a educação por intermediação tecnológica, mas também produzir conteúdos de mídias tecnológicas. Temos uma rede de produção [audiovisual] aqui no IAT. Com isso, estamos conseguindo bons resultados. E o melhor, fazendo com que a educação seja mais atrativa e a escola mais procurada. É algo que nos encanta e estimula”, destaca Severiano.
 
Fonte: Secom // Fotos: Elói Corrêa/GOVBA

Nenhum comentário:

Postar um comentário

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do ICHU NOTÍCIAS.

Neste espaço é proibido comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. Administradores do ICHU NOTÍCIAS pode até retirar, sem prévia notificação, comentários ofensivos e com xingamentos e que não respeitem os critérios impostos neste aviso.