CLIQUE NO PLAY PARA OUVIR RÁDIO INDEPENDENTE FM 104.9

TRANSLATE TO YOUR FAVORITE LANGUAGE - TRADUZA PARA SEU IDIOMA FAVORITO:

terça-feira, 24 de setembro de 2019

Delegado morre após ser baleado em tentativa de assalto em Feira de Santana

Um delegado morreu por volta do meio-dia de sábado (21), após ser baleado com um tiro no tórax, durante uma tentativa de assalto no Centro de Abastecimento, em Feira de Santana.
Foto: reprodução Acorda Cidade
Gesta Dermeval, de 58 anos, que trabalhava em Salvador, estava acompanhado do primo Edson Andrade Ribeiro, que ainda o socorreu em um táxi para o Hospital São Matheus, porém já chegou ao local sem vida.

De acordo com informações da polícia, o delegado e o primo realizavam compras no local, quando foram abordados pelo bandido, que portava um revólver e em determinado momento disparou contra a vítima.

Após a ação, o autor do crime fugiu em direção ao bairro da Rua Nova. Equipes da polícia realizaram buscas na região para tentar localizar o suspeito.

“Todos nós fomos pegos de surpresa com essa informação. Estamos aqui com os familiares da vítima e tivemos a informação que ele estava em Feira de Santana fazendo um passeio e acabou sendo baleado numa tentativa de assalto no Centro de Abastecimento. Todas as informações a partir de então são imprecisas, precisamos ouvir todas as versões a partir das oitivas e ir ao local ver a dinâmica do crime”, informou a delegada Ludmilla Vilas Boas, que trabalha na coordenadoria de Polícia Civil e esteve no hospital.

Conforme a delegada, as informações preliminares é que Gesta Dermeval era lotado em Salvador e estava de licença prêmio. Estaria também próximo da aposentadoria.

Local violento
A delegada Ludmila Vilas Boas criticou ainda a retirada da base de Polícia Militar que havia no Centro de Abastecimento e disse que lá se tornou um local violento.

“Hoje não temos mais o policiamento ostensivo que já houve, e era um local onde havia segurança. Já trabalhei na Delegacia de Homicídios e sei da dificuldade que é elucidar um homicídio ali, mas nós estamos conseguindo. E diante da circunstância que um local daquele, aberto, não tem um policiamento ostensivo adequado, realmente a polícia faz o que pode", concluiu a delegada.
 
Do CN | Fonte: Acorda Cidade

Nenhum comentário:

Postar um comentário

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do ICHU NOTÍCIAS.

Neste espaço é proibido comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. Administradores do ICHU NOTÍCIAS pode até retirar, sem prévia notificação, comentários ofensivos e com xingamentos e que não respeitem os critérios impostos neste aviso.