CLIQUE NO PLAY PARA OUVIR RÁDIO INDEPENDENTE FM 104.9

TRANSLATE TO YOUR FAVORITE LANGUAGE - TRADUZA PARA SEU IDIOMA FAVORITO:

quinta-feira, 12 de abril de 2012

Ichu: Projeto de Intervenção de Ana Maria foi apresentado na Secretaria de Saúde:


Com a participação dos Agentes Comunitários de Saúde, a estagiária do 8º semestre – Curso Bacharelado em  Serviço Social, Ana Maria Anunciação, apresentou ontem, 11, na Secretaria Municipal de Saúde o Projeto de IntervençãoAs dificuldades enfrentadas no Tratamento Fora do Domicílio (TFD)- Uma análise sobre as experiências vivenciadas pelos usuários do município de Ichu-Bahia.

No projeto ela observou  as demandas atendidas pelo Setor de Serviço Social que possibilitaram experiências ímpares e a compreensão dos princípios norteadores da prática profissional do Assistente Social, refletir sobre a importância da intervenção profissional para a identificação dos diferentes fatores que interferem nas condições de vida e saúde da população.
Na excursão do Projeto foi possível identificar situações percebidas, mas, nunca sistematizadas, que por várias vezes causaram preocupações e até muito sofrimento durante o tratamento.
 É importante frisar que durante as visitas domiciliares foi explicado a não obrigatoriedade de participação, enfocando que o estudo se daria de livre consentimento, conforme os preceitos éticos que envolvem pesquisas com seres humanos de acordo a Resolução196/96 do Ministério da Saúde.
Vale ressaltar que estas dificuldades se expressam com grande frequência também no seio familiar, com amigos e sociedade em geral.
O Tratamento oncológico possui alto custo, por isso, os usuários não provem meios financeiros para realiza-lo. Diante de uma renda insuficiente para suas necessidades básicas, se deparam com a demora no agendamento por indisponibilidade de vaga, exame que não é realizado pelo SUS, prescrição de medicação de alto custo. Assim destaca-se a necessidade da ampliação da oferta, se as fontes de financiamento para o SUS não são suficientes para garantir os direitos sociais, urge a necessidade de repensar a Politica de Saúde Brasileira.
Ana Maria que contou com a colaboração da Assistente Social Márcia Porto, afirma que é responsabilidade de todos pensar e repensar a Política de Saúde. Assim teremos de fato o SUS como patrimônio do povo e a serviço do povo. Afirma.
Por: André Luiz – Ichu // AL NOTÍCIAS

Nenhum comentário:

Postar um comentário

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do ICHU NOTÍCIAS.

Neste espaço é proibido comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. Administradores do ICHU NOTÍCIAS pode até retirar, sem prévia notificação, comentários ofensivos e com xingamentos e que não respeitem os critérios impostos neste aviso.